BPI vende ações da Sonae SGPS e reduz participação para 4,802%

Antes desta venda, o BPI tinha 100.211.121 ações da Sonae SGPS, representativas de 5,011% do capital do grupo liderado por Cláudia Azevedo.

Jose Manuel Ribeiro/Reuters

O banco BPI vendeu fora de bolsa 4.1756.332 ações da Sonae SGPS, reduzindo a sua participação de 5,011% para 4,802%, revela uma comunicação da instituição financeira à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Antes desta venda, o BPI tinha 100.211.121 ações da Sonae SGPS, representativas de 5,011% do capital do grupo liderado por Cláudia Azevedo.

A venda de ações fora de bolsa teve lugar na terça-feira, segundo o comunicado divulgado pela CMVM na noite de sexta-feira.

Na sexta-feira, no encerramento da bolsa de Lisboa, as ações da Sonae SGPS registaram uma queda de 1,16%, cotando-se a 0,94 euros por título.

O Banco BPI é parte do Grupo CaixaBank, que detém 100% do capital do BPI.

 

Ler mais
Recomendadas

BPI antecipa três dias o pagamento de pensões de reforma

O objetivo é contribuir para proteger a população com idade superior a 65 anos, permitindo o levantamento faseado e evitando a aglomeração de pessoas no dia 9 de abril, em que os balcões dos Bancos funcionam apenas até às 13h00. O banco diz que não vai cobrar taxas de antecipação do pagamento.

Marcelo Rebelo de Sousa avisa que “a banca tem de entrar na corrida contra o relógio” para recuperar a economia

Presidente da República recorda que os bancos portugueses devem retribuir as ajudas que os contribuintes lhes deram, agilizando linhas de crédito às empresas que garantam manutenção dos postos de trabalho. “Um dia mais tarde é pior do que um dia mais cedo, tal como uma semana mais tarde é pior do que uma semana mais cedo”, alerta.

Covid-19: Presidente da República reúne com presidentes dos cinco maiores bancos por videoconferência

Marcelo Rebelo de Sousa vai fazer apelo aos responsáveis pela Caixa Geral de Depósitos, Millennium bcp, Santander Totta, BPI e Novo Banco numa altura em que o setor financeiro enfrenta críticas dos partidos políticos.
Comentários