Cabo Verde recebeu quase 1/4 de milhão de turistas só no primeiro trimestre de 2018

Os estabelecimentos hoteleiros receberam 215.349 hóspedes nos primeiros três meses deste ano, o que significa uma variação positiva de 10,3%. Os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), divulgados hoje, confirmam ainda que o Reino Unido foi o principal país de proveniência de turistas.

Ler mais

O número de hóspedes e de dormidas nos estabelecimentos hoteleiros do país aumentaram no primeiro trimestre de 2018, representando 10,3 por cento (%) e 10,6%, respectivamente, face ao mesmo período de 2017, indicou hoje o INE.

Os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), referentes ao primeiro trimestre de 2018, confirmam ainda que o Reino Unido foi o principal país de proveniência de turistas e os que permaneceram mais tempo em Cabo Verde, com uma estadia média de 7,6 noites.

Neste período, os resultados estatísticos apontam que os estabelecimentos hoteleiros acolheram 215.349 hóspedes, uma variação positiva de 10,3%, face ao período homólogo do ano anterior. O que corresponde em termos absolutos a mais 20.186 entradas nos estabelecimentos hoteleiros em igual período do ano transacto.

Por outro lado, as dormidas atingiram 1.342.553 no mesmo período, traduzindo-se numa variação positiva de 10,6%, em relação ao 1º trimestre de 2017. Em termos absolutos, houve um aumento de 129.208 dormidas.

Por tipo de estabelecimento hoteleiro, os hotéis continuam sendo os mais procurados, representando 85,2% do total das entradas. Seguem-se-lhes as residenciais com cerca de 4,3% e as pensões e os aldeamentos turísticos com igual peso, 3,3%. Relativamente às dormidas, os hotéis representam 89,2%, os aldeamentos turísticos com 3,7% e os hotéis-apartamentos com 2,7%.

A ilha do Sal teve maior acolhimento com 51,8% do total das entradas, seguida da ilha da Boa Vista com 23,9% e Santiago com 11,0% das entradas. Em relação às dormidas, a ilha do Sal obteve uma taxa de ocupação de 58,4%, a Boa Vista 31,1% e Santiago 4,3%.

No trimestre em análise, o principal mercado emissor de turistas foi o Reino Unido com 20,0% do total das entradas. A seguir vêm a Alemanha, França e os Países Baixos, responsáveis por, respectivamente, 12,4%, 12,2% e 11,2% do total das entradas.

Em relação às dormidas, o Reino Unido continua a liderar, com 26,9% do total, seguido dos Países Baixos, Alemanha e França, com, 12,3%, 11,6% e 9,8%, respectivamente.

Foto: A Nação

Relacionadas

Britânicos são os que mais visitam Cabo Verde nas férias

Mais de 23% dos turistas que visitaram Cabo Verde no passado vieram do Reino Unido, informa o relatório sobre as estatísticas do Turismo, divulgado pelo INE. Os portugueses ocupam o quinto lugar. 

Directora regional da OMT recomenda diversificação dos modelos de oferta turística em Cabo Verde

A directora regional da Organização Mundial do Turismo (OMT) para África, Elcia Grandcourt, recomendou hoje, na Cidade da Praia, a diversificação das ofertas turísticas em Cabo Verde.

Empresários brasileiros interessados no turismo para a ilha do Fogo

A missão de empresários brasileiros que se encontra de visita à ilha do Fogo para desenvolvimento de parcerias no domínio do turismo rural vai ser recebida esta sexta-feira, 11, pela Câmara Municipal dos Mosteiros.

Interior de Santiago acorda para o turismo

Um turismo sustentável, inclusivo e que beneficie tanto os empreendimentos turísticos como as comunidades envolventes de São Salvador do Mundo e Santa Catarina (ilha de Santiago), é o que pretende o projecto-piloto “cases studies”.

Turismo em Santo Antão cresceu 24%. E há mais investimentos no sector prestes a chegar

Mais de 26 mil turistas visitaram Santo Antão em 2017, o que significa um aumento de 23,8% em relação a 2016. Os operadores acreditam que, a avaliar pela “grande movimentação” de turistas que se tem verificado, nesta época alta, iniciada em Outubro, o turismo vai continuar a crescer nesta ilha.

Há cada vez mais turistas a visitar Santo Antão para a prática de trekking

Santo Antão conheceu, nos últimos oito meses, uma grande movimentação de turistas, provenientes sobretudo do Norte da Europa que, durante a chamada época alta do turismo, procuraram esta ilha para a prática de trekking.

Maioria dos cabo-verdianos é contra isenção de vistos a europeus

Mais de metade da população cabo-verdiana desaprova a intenção do Governo em conceder a isenção de visto aos titulares de passaportes da União Europeia, revelou um estudo da Afrosondagem sobre a qualidade da democracia e governação.
Recomendadas

Cabo Verde está entre os três únicos países de África com melhoria na governança

O Relatório do Banco Mundial aponta que Cabo Verde está entre os três únicos países de África com melhoria na governança.

Governo confirma Icelandair como parceira na privatização da Cabo Verde Airlines

As duas partes vão agora iniciar negociações para a aquisição de até 51 por cento do capital da companhia aérea cabo-verdiana.

Governo de São Vicente quer empresas certificadas na norma de gestão ambiental

As informações foram avançadas pelo presidente do IGQPI, Abraão Lopes, que ministra a formação em São Vicente, iniciada hoje, em parceria com a Direcção Regional de Indústria, Comércio e Energia Norte (DRICEN).
Comentários