Cabo-verdiana infetada com Covid-19 em Itália “está bem” e “a recuperar”

A conselheira da República de Cabo Verde desmentiu esta segunda-feira que a notícia de que a mulher de 50 anos, natural de São Nicolau, teria falecido.

A cabo-verdiana residente em Itália infetada com o novo coronavírus (Covid-19) “está bem”, “melhor” e a “recuperar muito bem” e brevemente poderá deixar o hospital, assegurou esta segunda-feira Maria Silva, conselheira da República de Cabo Verde. A confirmação foi feita por esta responsável, depois de a “Rádio de Cabo Vede” (RCV) ter anunciado, no jornal das 07:00, que a cabo-verdiana de 50 anos natural de São Nicolau teria falecido.

“Tive a preocupação de contactar os familiares mais próximos, o embaixador e as pessoas que podiam dar-me notícias fidedignas e a confirmação que tive é que a senhora está bem, melhor e recuperando”, garantiu.

Em declarações à “RCV”, Maria Silva afirmou que a notícia é completamente “falsa” e alertou a todos no sentido de terem mais atenção na divulgação de informações referente a esse caso, já que a senhora tem familiares em Cabo Verde e ficaram desorientados assim que ouviram essa notícia.

A também presidente da Associação de Amizade Itália- Cabo Verde, (Kriol-Itá), disse que a senhora foi hospitalizada na quarta-feira com sintomas de gripe e dificuldades respiratórias, sempre esteve “estável” nunca esteve em perigo de vida e neste momento está a recuperar “muito bem” e que brevemente poderá deixar o hospital.

“A senhora vive com uma filha que está bem, e desde o primeiro momento desencadeou-se todo o protocolo e está a controlar a febre de duas em duas horas. Foram informadas todas as pessoas que estiveram em contacto com a senhora que está hospitalizada e inclusive tem um parente mais próximo que trabalhou nos últimos dias com ela e está em casa e toda a família está de quarentena, portanto está tudo sob controlo”, sublinhou.

Na ocasião, assegurou que neste momento não tem notícias de mais cabo-verdianos infetados em Itália apesar da situação complicada que se vive no país.

Segundo o balanço divulgado pela Proteção Civil italiana no domingo, o número de mortes devido ao novo coronavírus atingiu 1.809, o que representa um aumento recorde de 368 nas últimas 24 horas.

O novo coronavírus responsável pela pandemia de Covid-19 foi detetado em dezembro de 2019, na China, e já provocou mais de 6.400 mortos em todo o mundo.

O número de infetados ronda as 164 mil pessoas, com casos registados em pelo menos 141 países e territórios, incluindo Portugal, que tem 245 casos confirmados. Do total de infetados, mais de 75 mil recuperaram.

Ler mais
Recomendadas

Economia cabo-verdiana cresceu 5,7% no quarto trimestre de 2019

A evolução homóloga do PIB de Cabo Verde resultou do maior contributo das despesas do consumo final e das exportações.

Transinsular é o primeiro armador nacional a retomar ligações diretas com Cabo Verde

Trata-se de um serviço regular direto (sem transbordo) com frequência quinzenal, desde Portugal (Lisboa e Leixões) para a Praia e Mindelo, que terá conexão com o serviço Atobá Interilhas, com serviço regular para as ilhas do Sal e Boavista. Vai arrancar no próximo sábado, dia 11 de abril.

China faz remodelação no Auditório Nacional em Cabo Verde

Situado no centro da cidade da Praia, é uma das salas de espetáculos do país. Adilson Gomes avançou que a conclusão da primeira fase das obras estava prevista para finais de junho.
Comentários