Câmara do Funchal investe 24 mil euros na requalificação da Escola Visconde Cagongo

Estas são obras executadas exclusivamente com meios internos da Autarquia e visam a substituição do pavimento da entrada da escola de pedra rolada para betonilha, de forma a tornar o piso mais seguro, já que em dias de chuva ficava muito escorregadio

O Vereador Rúben Abreu, com o pelouro das Obras Públicas na Câmara Municipal do Funchal, visitou, esta semana, as obras de requalificação no edifício do Faial da Escola Básica do 1º Ciclo com Pré-Escolar Visconde Cagongo. As intervenções representam um investimento municipal de cerca de 24 mil euros, e estarão concluídas no final do corrente mês.

“Aproveitando a pausa letiva temos vindo a investir em obras de melhoramento nas escolas do concelho, de maneira a que o regresso às aulas seja realizado com as condições de segurança redobradas e com os espaços melhorados para usufruto das nossas crianças que anseiam especialmente por este regresso depois do confinamento obrigatório”, explicou Rúben Abreu.

Estas são obras executadas exclusivamente com meios internos da Autarquia e visam a substituição do pavimento da entrada da escola de pedra rolada para betonilha, de forma a tornar o piso mais seguro, já que em dias de chuva ficava muito escorregadio. O objetivo é evitar quedas graves dos alunos e da restante comunidade educativa na entrada e saída das aulas.

A intervenção estende-se ainda a melhoramentos no interior do edifício através da substituição dos soalhos e rodapés e de trabalhos de pintura.

Recomendadas

Madeira: Governo Regional falha promessa aos pensionistas e reformados, denuncia JPP

O deputado afirma que a situação económica de muitas famílias madeirenses é sensível e que muitos lares da Madeira e do Porto Santo passam por muitas carências económicas, com problemas de desemprego e que seria urgente cumprir, o mais rapidamente possível, essa valência social.

Madeira quer fundos comunitários para tecnologia e inovação na agricultura

Verbas comunitárias seriam canalizadas para melhorar a rentabilidade da produção e aumentar a qualidade do produto.

Miguel Albuquerque: Novo regime do lay off é boa notícia para as empresas da Madeira

O governante salientou que “é um bom regime” e que este será complementado na Região Autónoma da Madeira, tanto pelos sistemas de apoio que já existem, como por um apoio complementar para o funcionamento das empresas que deverá ainda ser anunciado.
Comentários