CDU quer preservar Mercado dos Lavradores para promoção de produtos regionais

A candidatura da CDU ao Parlamento Europeu destacou a agricultura como uma área com “importância estratégica para a produção regional”. Ricardo Lume referiu que o partido é o “garantir da defesa dos interesses regionais” onde se inclui a defesa da produção e da soberania alimentar.

Numa ação de campanha para as eleições europeias a CDU apelou à preservação do Mercado dos Lavradores enquanto pólo de escoamento e promoção dos produtos regionais.

Os candidatos ao Parlamento Europeu, Mariana Silva e Ricardo Lume, destacaram a agricultura como uma área com “importância estratégica” para a produção regional e ainda para a “qualidade de vida e para a soberania alimentar” e coesão económica e social da nossa Região.

Numa visita aos agricultores e vendedores do Mercado do Lavradores Ricardo Lume voltou a reforçar que um voto na CDU é garantir a defesa dos interesses regionais onde se inclui “a defesa da produção e da soberania alimentar”.

Recomendadas

Atividades turísticas na Madeira só retomam a normalidade em setembro

Para as embarcações com lotação até 60 passageiros é admitida a ocupação até 70% da sua capacidade, até ao final do próximo mês de junho, 90% durante o mês de julho, e sem qualquer restrição de lotação, a partir do mês de agosto do corrente ano.

Madeira: JPP quer faseamento do IMI em cinco prestações

“Acreditamos que esta é uma forma de apoio direto a estas famílias e representa um alívio no pagamento do imposto que mais pesa sobre a carteira dos contribuintes”, refere Rafael Nunes.

Habitação valoriza 0,8% na Madeira

Em abril a avaliação bancária da habitação atingiu os 1.147 euros por metro quadrado, o que torna a Madeira a terceira região do país com o valor mais elevado, atrás da Área Metropolitana de Lisboa e do Algarve.
Comentários