PremiumCEO da Transavia: “Portugal é o nosso primeiro mercado”

Nathalie Stubler diz que as medidas tomadas no nosso país facilitaram a reabertura das operações.

Numa curta entrevista ao Jornal Económico, Nathalie Stubler, CEO da Transavia, explica porque é que a companhia aérea tem o mercado nacional como primeira escolha das suas operações, nesta fase de retoma após o primeiro impacto da pandemia. E detalha as rotas disponíveis entre Portugal, França e Holanda.

Qual a oferta que a Transavia tem prevista para o mercado português neste período de retoma das operações?
Vamos disponibilizar nos meses de julho e agosto cerca de 500 mil lugares nos nossos voos de e para Portugal, para os três aeroportos portugueses em que operamos, Lisboa, Porto e Faro. Este valor representa cerca de 80% da oferta da operação programada que a Transavia oferecia de e para Portugal no período anterior à pandemia.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Banco Montepio passa de lucros a prejuízos de 15,9 milhões de euros no primeiro trimestre

De acordo com um comunicado enviado pelo banco à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a instituição que pertence à Associação Mutualista Montepio refere que para o resultado foi “determinante (…) a obtenção de menores ganhos com transações de títulos relevados na rubrica de Resultados de operações financeiras”.

Governo aprova 11 milhões de euros para SIRESP de indemnização compensatória

A indemnização compensatória foi aprovada no dia em que o Presidente da República promulgou o decreto-lei que define o modelo transitório de gestão, operação, manutenção, modernização e ampliação da rede de comunicações do Estado SIRESP.

De Amorim a Varandas: como o Sporting CP quebrou um jejum de 19 anos. Veja o “Jogo Económico”

Acompanhe o programa “Jogo Económico” na plataforma multimédia JE TV, através do site e das redes sociais do Jornal Económico.
Comentários