CGD lança assistente digital na app Caixadireta para um milhão de clientes

Com esta nova funcionalidade os clientes da CGD vão poder dar ordens ao seu banco através da voz depois de serem atendidos por uma assistente virtual. Esta nova assistente virtual chega nesta segunda-feira à aplicação Caixadirecta.

Rafael Marchante/Reuters

A Caixa já fala com os clientes na app na Caixadirecta. A notícia foi comunicada pelo banco nesta segunda-feira, após o anúncio que o banco vai passar a cobrar comissões nas transferências por MB Way.

A nova assistente digital é suportada em Inteligência Artificial e “traz uma nova experiência conversacional, permitindo interagir com o Banco através do meio de comunicação mais natural no ser humano, a voz, garantindo uma maior acessibilidade aos seus utilizadores”, refere o banco em comunicado.

Com esta nova funcionalidade os clientes da CGD vão poder dar ordens ao seu banco através da voz.

“A partir de agora, já é possível a quase 1 milhão de clientes da app Caixadirecta efetuar transações e consultas bancárias, pagamentos de serviços, transferências e consulta de saldos e movimentos de contas com recurso à 1ª Assistente Digital Inteligente da banca portuguesa chamada Caixa”, refere a CGD em comunicado.

A “Caixa” fala com o utilizador em português de Portugal, realiza as operações bancárias pelo cliente e garante uma forma diferente de relacionamento com o banco, aprendendo com as interações e diálogos com o utilizador.

O banco antecipa que num futuro próximo, será também capaz de ajudar a reativar os acessos ao Caixadirecta, efetuar operações de cartões, compreender a evolução das despesas do cliente, etc.

Esta assistente virtual foi desenvolvida em parceria com a AgentifAI, uma startup portuguesa apoiada pela Caixa Capital, cuja área de negócio é a implementação de assistentes inteligentes em plataformas digitais.

O objetivo da funcionalidade, segundo a CGD, “é criar condições para uma melhor experiência na interação entre a empresa e os seus clientes, que deixam de ter de esperar para realizarem vários tipos de transações e consultas”.

A CGD encontra-se, desde 2018, a implementar um Programa de Transformação Digital com várias soluções para melhorar o serviço, simplificar o dia a dia dos clientes e garantir a sua satisfação. Atualmente, a CGD tem, em Portugal, 1,71 milhões de clientes digitais. Destes, 860 mil são utilizadores da app, que já regista, mensalmente, 13 milhões de acessos, o que representa um crescimento de 52% face ao período homólogo.

A app Caixadirecta foi distinguida recentemente pela ACEPI, como a Melhor App de Serviços Financeiros do mercado.

Ler mais
Recomendadas

António Simões sai do banco britânico HSBC depois de quebra nos lucros de 53%

O gestor português que liderava a banca privada chegou a ser apontado à liderança do HSBC, mas acabou por sair no âmbito da reestruturação que provocou o despedimento de 35 mil pessoas.

Julius Baer envolvido em casos de corrupção com a PVDSA e FIFA

“Os procedimentos, agora concluídos, descobriram que o Julius Baer incumpriu com as obrigações relativas ao combate ao branqueamento de capitais e com o seu dever de pôr em prática políticas de gestão de risco apropriadas, o que constitui uma infração grave da lei dos mercados financeiros”, frisou, o supervisor financeiro suíço, a FINMA

Banco central chinês reduz taxa de juros para aliviar impacto económico do surto

Os credores chineses reduziram esta quinta-feira a taxa de juros base em 0,1 ponto percentual, numa altura em que o país enfrenta o surto do coronavírus Covid-19, que levou ao encerramento de vários negócios.
Comentários