Conflito entre Mnuchin e Powell abana Wall Street no início da sessão

No início da sessão, o S&P 500 cai 0,13%, para 3,577.30 pontos, o tecnológico Nasdaq desvaloriza 0,06%, para 11,897.13 pontos, e o industrial Dow Jones desce 0,12%, para 3,577.72 pontos.

Reuters

A Bolsa de Nova Iorque abriu a sessão desta sexta-feira em terreno negativo devido ao aumento de casos por coronavírus nos Estados Unidos e pelo conflito entre os formuladores de políticas monetárias norte-americanas.

“A entrada em conflito entre os formuladores de políticas monetárias e económicas dos EUA marca a sessão.  A discordância eclodiu na noite de quinta-feira, quando o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, pediu ao presidente da Fed, Jerome Powell, a devolução de fundos pandémicos que o Governo fornece ao Banco Central para que este possa passar para a economia”, refere o analista de mercados do Millenium investment banking, Ramiro Loureiro.

No início da sessão, o S&P 500 cai 0,13%, para 3,577.30 pontos, o tecnológico Nasdaq desvaloriza 0,06%, para 11,897.13 pontos, e o industrial Dow Jones desce 0,12%, para 3,577.72 pontos.

“O aumento das infeções por coronavírus tem levado muitos Estados norte-americanos a cancelarem os planos de reabertura da economia e a implementarem novas restrições para conterem a disseminação da pandemia, enquanto se aguarda pela chegada da vacina de prevenção do Covid-19. Os Estados Unidos ultrapassaram as 187 mil novas infeções diárias, um recorde que levou ao maior número de hospitalizações com esta infeção”, acrescenta o analista.

Os anuncios de uma vacina por parte da Pfizer levaram esta sexta-feira a farmacêutica a valorizar 1,8% porque a empresa solicitou aos reguladores de saúde dos EUA a autorização de uso emergencial da sua vacina contra a Covid-19.

Em sentido inverso, a Gilead Sciences caiu 1,5% depois da Organização Mundial de Saúde desaconselhar o uso do remdesivir para pacientes hospitalizados com Covid-19, pois não há evidências de que o medicamento produz melhorias ou reduz a necessidade de ventilação.

Ler mais

Recomendadas

Wall Street fecha mista com aumento do desemprego

A avalanche de dados macroeconómicos justifica a fraca performance da bolsa. Os dados do emprego semanal dão uma subida dos pedidos de subsídio de desemprego no país pela segunda semana consecutiva, até os 778 mil, muito pior do que o esperado pelo consenso do mercado. Isto pode deixar marcas persistentes no mercado laboral dos Estados Unidos.

CMVM tomou 22 decisões de contraordenação algumas das quais originam coimas que somam 700 mil euros

Na base das decisões da CMVM estão 11 processos relacionados com infrações por violação de deveres dos auditores; cinco processos por violação dos deveres dos intermediários financeiros; três processos por violação de deveres das entidades responsáveis pela gestão de Organismos de Investimento Colectivo; entre outros. A maioria das coimas aplicadas está suspensa.

Bolsa de Lisboa fecha com subida superior a 1%

CTT, EDP Renováveis e BCP subiram mais de 2%. As ações da tecnológica Novabase, que divulgou esta tarde ao mercado o Plano para a Igualdade de Género e Diversidade, caíram 0,61% para 3,27 euros.
Comentários