Conheça os projetos vencedores do Orçamento Participativo nacional

A concurso estiveram 691 propostas com enfoque em áreas como a cultura, educação, juventue e desporto, justiça, agricultura e ambiente.

O Governo anunciou esta quinta-feira, 11 de outubro, os vencedores da segunda edição do Orçamento Participativo Portugal (OPP), que visa financiar projetos nacionais e regionais, com cinco milhões de euros do Orçamento do Estado. A concurso estiveram 691 propostas com enfoque em áreas como a cultura, educação, juventude e desporto, justiça, agricultura e ambiente.

Este ano, o montante atribuído aos projetos vencedores do OPP aumentou de três para cinco milhões de euros e, pela primeira vez, os cidadãos puderam apresentar propostas relativas a todas as áreas governativas. Ao gabinete da ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão Marques, chegaram mais de 1.400 ideias para Portugal, através do site do OPP ou dos 37 encontros participativos que realizaram em todo o país.

Também o número de votos no OPP deste ano registou um aumento de 50% para 119.703, em comparação com o ano anterior. A fase de apresentação de propostas arrancou a 23 de janeiro e decorreu até 24 de abril, enquanto a fase de votação arrancou a 11 de junho e terminou a 30 de setembro.

 

Estes são os 22 projetos vencedores da segunda edição do OPP:

Projetos vencedores de âmbito Nacional
ProjetoInvestimentoDetalhes
Tauromaquia para Todos50.000 eurosCriação de um programa de difusão de informação e conhecimento sobre a cultura tauromáquica de Portugal, na sua diversidade territorial e multiplicidade temática, na sua componente material e na sua componente imaterial, aos cidadãos
Feira das Lambarices250.000 eurosMega evento cultural para promover os doces nacionais, na aldeia turística do conselho de Águeda de Vale Domingos
Portugal sem Touradas200.000 eurosDesmistificar os princípios em que a atividade tauromáquica se autojustifica e contribuir para a construção de um pensamento crítico face à mesma no seio da sociedade portuguesa

 

Projetos vencedores de âmbito Regional – Norte
ProjetoInvestimento Detalhes
Academia do Ciclas300.000 eurosFomentar a promoção da mobilidade ciclável e a educação rodoviária através do desporto, através da dinamização de programas e atividades de educação rodoviária em meio escolar, recorrendo a atletas de ciclismo e a técnicos da Autoridade Intermunicipal de Transportes do Cávado
Fronteira300.000 eurosReinserção social da população reclusa através do desenvolvimento ou aquisição de estilos de vida normativos, de competências básicas, pessoais e sociais, promovendo-se uma autonomia progressiva dos seus beneficiários

 

Projetos vencedores de âmbito Regional – Centro
ProjetoInvestimento Detalhes
Exemplo de aldeia didática e divertiva300.000 eurosReforçar a oferta de atividades para as crianças e jovens que visitam a aldeia de Vale Domingos, no concelho de Águeda
explorAPPateira200.000 eurosCriação de uma aplicação móvel que disponibilize informação sobre a Lagoa da Pateira de Fermentelos, incluindo a história e génese da lagoa, mapas interativos dos percursos pedestres envolventes, a fauna e flora existente, um jogo didático e a possibilidade de partilhar registos fotográficos, comentários e sugestões
Floresta Viva100.000 eurosPromover a importância da gestão sustentável do território e em particular das áreas rurais, florestais, agrícolas e naturais, com a implementação de práticas florestais sustentáveis e adaptadas ao quadro de alterações climáticas

 

Projetos vencedores de âmbito Regional – Área Metropolitana de Lisboa
ProjetoInvestimentoDetalhes
Em demanda dos segredos da evolução natural da videira portuguesa200.000 eurosEnriquecer o vasto portefólio de castas portuguesas, confirmando Portugal como “uma verdadeira Arca de Noé da videira onde uma viticultura moderna, desenvolvida e eficiente soube respeitar para beneficiar do processo natural de evolução da espécie”.
ABC do teatro250.000 eurosCriação de uma escola de teatro infantil de caráter não lucrativo, inteiramente grátis para os utentes, abrangendo jovens dos 7 aos 16 anos.

 

Projetos vencedores de âmbito Regional – Alentejo
ProjetoInvestimentoDetalhes
Um mergulho na História300.000 eurosDesenvolver uma carta arqueológica subaquática integrada da costa do Alentejo Litoral, com o registo de naufrágios por regiões, com análise crítica, com os sítios inventariados a serem analisados e catalogados em relação à sua relevância, estabilidade, ameaças, custos de monitorização, registo ou intervenção
Música, Artes e Ciência250.000 eurosProjeto pensado para oferecer, 8 a 10 vezes por ano, masterclasses de uma a duas semanas para entre 10 a 24 músicos jovens, portugueses e estrangeiros, culminando em concertos
Parque Astronómico do Alentejo90.000 eurosTentando tirar partido do céu excepcional do Alentejo, um dos mais limpos da Europa, para se observar o céu, esta proposta pretende criar
um parque de astronomia nesta região e criar uma série de módulos didáticos a céu aberto que possam ajudar a compreensão do nosso
lugar no Universo

 

Projetos vencedores de âmbito Regional – Algarve
ProjetoInvestimentoDetalhes
Rota Literária do Algarve120.000 eurosCriar uma Rota Literária do Algarve é criar um novo olhar sobre esta região: um olhar mediado pelos textos literários e com o qual vamos ler o espaço, os monumentos, a história, as lendas, a natureza, os algarvios e as suas práticas ancestrais
Alojamento Local para aves150.000 eurosDistribuição gratuita de caixa-ninho para diferentes tipos de aves aos municípios e escolas interessadas da região do Algarve e realização de ações de educação ambiental
Dinamização da Ermida de Santo António do Alto70.000 eurosReabilitar e abrir ao público a Igreja, o miradouro e o museu Antonino, visando enriquecer o património cultural, histórico, artístico e de lazer.
Costas para o Futuro150.000 eurosEnsinar e treinar posturas corretas de forma a prevenir o aparecimento precoce de dores nas costas nas crianças e a diminuição da sua incidência na fase adulta.

 

Projetos vencedores de âmbito Regional – Açores
ProjetoInvestimentoDetalhes
Do Povo para o Povo200.000 eurosCriação do Centro de Interpretação Francisco de Lacerda (CIFL) tem como objetivo divulgar, preservar e monitorizar o legado material e imaterial do musicólogo, músico, poeta e maestro Francisco de Lacerda, desenvolvendo ações de caráter informativo, vivencial, emocional e experimental em diferentes vertentes da atividade artística
Criação do Centro de Informação, Mediação e Arbitragem da Região dos Açores300.000 eurosCriação do Centro de Informação, Mediação e Arbitragem da Região dos Açores, onde decorrerá a resolução de litígios em matéria de consumo, de natureza civil, através da informação jurídica, mediação, conciliação e arbitragem
“Filosofia para Criança e Adolescentes: um instrumento potenciador de inclusão social”100.000 eurosPromoção, em comunidade de diálogo filosófico, as competências cognitivas, afetivas e comportamentais das crianças, adolescentes e adultos

 

Projetos vencedores de âmbito Regional – Madeira
ProjetoInvestimentoDetalhes
Cowork Madeira300.000 eurosCriação de espaço de cowork – equipamentos, recursos técnicos, etc. – direccionado para jovens, situado no município do Funchal, a capital da Região Autónoma da Madeira, aberto à utilização de jovens oriundos de toda a Região
RESS – Rede para a Economia Social e Solidária200.000 eurosCriação de uma rede formal (composição e funcionamento) para a economia social e solidária, com o desígnio de concentrar esforços na concretização de sinergias entre todas as Organizações da Economia Social aderentes e criar nas parcerias uma cultura de trabalho
Ler mais
Recomendadas

Portugal quer investigação para apurar responsabilidades sobre a morte do jornalista saudita

Também no sábado, a chefe da diplomacia da União Europeia, Federica Mogherini, exigiu uma “investigação aprofundada” sobre a morte “extremamente perturbadora” do jornalista saudita Jamal Khashoggi e que os autores sejam responsabilizados.

OE2019: Rio propõe voto contra

Sem surpresas, o líder do maior partido da oposição propõe à Comissão Política Nacional o voto contra o Orçamento de Estado para 2019.

OE2019: Bloco anuncia voto a favor na generalidade

O Bloco de Esquerda, um dos parceiros do PS no Parlamento, oficializou o seu sentido de voto em relação ao Orçamento para 2019.
Comentários