Conselho de Supervisão do Banco Central Europeu reúne pela primeira vez em Lisboa

O convite foi feito pela vice-governadora do Banco de Portugal, Elisa Ferreira. O encontro terá lugar esta quinta e sexta-feira na sede do Banco de Portugal.

Reuters

O Conselho de Supervisão do Banco Central Europeu (BCE) vai reunir-se pela primeira vez em Lisboa, nos próximos dias 16 e 17 de maio. O convite partiu da vice-governadora do Banco de Portugal (BdP), Elisa Ferreira, conforme indica o BdP numa nota divulgada no seu site.

Esta reunião vai ter lugar na sede do Banco de Portugal e será a terceira vez que o Conselho de Supervisão se vai juntar fora da sua sede, em Frankfurt, na Alemanha desde a sua criação, em novembro de 2014. Uma vez por ano, esta entidade realiza uma das suas reuniões ordinárias num dos 19 países membros.

No ano passado a reunião externa tinha decorrido em Madrid, na Espanha, e anteriormente em Helsínquia, na Finlândia.

O Conselho de Supervisão é constituído por um presidente, um vice-presidente, quatro representantes do BCE e representantes das autoridades nacionais de supervisão (no caso do Banco de Portugal, a representação é assegurada por Elisa Ferreira), reúne por regra de três em três semanas para debater, planear e executar as atribuições do Banco Central Euopeu em matéria de supervisão, designadamente no que se refere aos maiores bancos europeus (as chamadas “instituições significativas”).

Relacionadas

Bloomberg: Elisa Ferreira pode chegar à liderança do Banco Central Europeu

A atual vice-governadora do Banco de Portugal pode estar na corrida para a presidência do Banco Central Europeu, segundo a Bloomberg. Com a falta de nomes femininos para substituir Draghi, o jornal elaborou uma lista com dez mulheres do setor financeiro com possibilidades de assumir a presidência do BCE.
Recomendadas

Banco Mundial alerta para falta de fundos para os mais pobres

Para David Malpass, o efeito devastador da pandemia na economia mundial é muito superior aos 5 biliões de dólares de riqueza destruída apontados numa primeira estimativa de danos.

Deutsche Bank emite o seu primeiro ‘green bond’

A obrigação verde, de 500 milhões de euros, a seis anos tem um cupão de 1,375%. O banco alemão planeia alocar 200 mil milhões de euros em investimentos sustentáveis ​​até 2025.

Millennium bcp e ActivoBank disponibilizam Apple Pay aos clientes

Os cartões BCP estreiam-se nesta aplicação e acabam com a “exclusividade” do Crédito Agrícola. Os clientes do Millennium passam a poder adicionar os seus cartões ao serviço de pagamentos digitais da Apple, que já vem integrado nos iPhone mais recentes.
Comentários