Detido suspeito do atentado em Utrecht

O homem que abriu fogo dentro de um elétrico na cidade de Utrecht, esta segunda-feira de manhã, foi detido horas depois de ser identificado pela polícia holandesa.

O suspeito do tiroteio que, esta segunda-feira, provocou pelo menos três mortos e cinco feridos num elétrico em Utrecht, na Holanda, foi detido. O suspeito tem nacionalidade turca e chama-se Gökman Tanis, de 37 anos. A notícia foi avançada pela ”Reuters” esta tarde.

Até àquela hora, as autoridades tinham atualizado o balanço de vítimas mortais para três depois de um homem ter entrado num elétrico daquela cidade, no centro do país, e aberto fogo contra os passageiros.

Terrorismo na Holanda: Polícia revela fotografia de suspeito

Inicialmente, o presidente da Câmara de Utrecht começou por avançar que haveria nove feridos, um número que acabou por ser revisto em baixa, havendo cinco pessoas feridas identificadas.

A polícia admite que possa ter havido “motivações terroristas” para o ataque, isto depois de, ao início da tarde, ter identificado o principal suspeito do atentado.

Ler mais
Relacionadas

Terrorismo na Holanda: Polícia revela fotografia de suspeito

O suspeito tem nacionalidade turca e chama-se Gökmen Tanis, de 37 anos. O suspeito de entrar aos tiros num elétrico, que provocou três vítimas mortais e nove feridos, está a ser procurado pela polícia na cidade holandesa de Utrecht.

Tiroteio na Holanda provoca vários feridos e um morto. Polícia fala em “motivos terroristas”

Porta-voz da polícia local, Joost Lanshage, disse: “Vários tiros foram disparados em um bonde e várias pessoas ficaram feridas. Os helicópteros estão no local e ainda não foram feitas detenções”.
Recomendadas

Donald Trump elogiou atuação responsável de Xi Jinping sobre protestos em Hong Kong

As manifestações, que se iniciaram há sete semanas , evoluíram da contestação à lei da extradição, que permitia o envio para a China de fugitivos ou suspeitos de crimes refugiados no território de Hong Kong, até reivindicações mais amplas sobre a melhoria dos mecanismos democráticos da cidade.

Partido do presidente de Ucrânia com vitória praticamente assegurada

Primeiro a presidência, agora o governo: o ator Volodimir Zelenski está a transformar a Ucrânia num pais totalmente novo. O novo Parlamento vai ser radicalmente diferente do que foi até aqui.

Com ou sem acordo, pouco importa. Brexit vai mesmo empurrar o Reino Unido para uma recessão, estima ‘think tank’

O Instituto Nacional de Investigação Económica e Social britânico revelou que o Brexit terá consequências nocivas para a economia britânica, independentemente de ser um Brexit duro ou um Brexit suave. Mas, o PIB britânico será 5% mais baixo no caso de um Brexit duro.
Comentários