Dia 6 de outubro, traçamos o futuro de Portugal: minuto-a-minuto em JE e em direto na JE TV

Notícias, projeções, resultados, reações e comentários. Do site às redes sociais, passando por uma emissão especial em direto na JE TV, a noite eleitoral é para acompanhar no Jornal Económico.

Este domingo, dia 6 de outubro, o Jornal Económico vai acompanhar a par e passo todas as incidências das eleições legislativas, com um plano de cobertura que vai do site (em www.jornaleconomico.pt) às redes sociais, passando por uma inédita emissão especial na JE TV com comentadores em estúdio.

Ao longo do horário de votação, a equipa editorial vai acompanhar todos os momentos e informações importantes, desde as palavras dos líderes políticos, aos níveis de abstenção, passando pelas eventuais incidências em locais de voto.

No site e nas redes sociais do Jornal Económico recordaremos ainda as principais medidas propostas por cada partido, assim como as frases e os momentos mais marcantes da campanha eleitoral.

A partir das 18h00, poderá acompanhe a fase final da votação, as primeiras projeções e reações num minuto-a-minuto e, depois das 20h00, os resultados em tempo real fornecidos pela Comissão Nacional de Eleições.

Na JE TV, à 19h30 começa a emissão especial em direto dos nossos estúdios em Lisboa. A equipa do JE irá mantê-lo informado sobre todos os últimos desenvolvimentos da noite eleitoral.

Um painel de comentadores conceituados vai analisar o impacto das votações na sociedade e na economia portuguesa. Conte com os comentários da advogada Rita Garcia Pereira, da economista Vera Gouveia Barros, do jornalista João Marcelino, do consultor Marco Silva e do economista Filipe Garcia. Em direto para a JE TV, estes comentadores vão antecipar o cenário pós-eleitoral, analisar como correu a campanha e quais os momentos em que se pode ter decidido a intenção de voto.

No rescaldo do escrutínio eleitoral, fique atento à newsletter especial na sua caixa de correio eletrónico, com a análise completa sobre o novo ciclo político.

Recomendadas

Costa reúne esta segunda-feira com Presidente da República para entregar nomes de secretários de Estado

O gabinete do primeiro-ministro enviou este domingo, 20 de outubro, uma nota onde refere que “o primeiro-ministro solicitou hoje uma audiência ao Presidente da República para lhe apresentar os nomes dos secretários de Estado”.

Sondagem Aximage: Maioria julga que António Costa sabia o que se passou em Tancos

Parte considerável dos eleitores também têm a impressão de que Marcelo Rebelo de Sousa também estava ao corrente daquilo que se estava a passar. PSD terá sido o partido mais beneficiado com o “caso de Tancos” e o PS o mais prejudicado nas urnas.
assunção_cristas_rui_rio_debate_legislativas_1

Direita unida numa só lista teria mais um deputado do que o PS

Se os eleitores do PSD, CDS-PP, Iniciativa Liberal, Chega e Aliança tivessem votado na mesma lista esta teria colocado 97 deputados na Assembleia da República, ganhando dez ao PS. Mas bastaria o partido de André Ventura ficar de fora para os socialistas continuarem a ter mais parlamentares do que os existentes à sua direita.
Comentários