PremiumDominic Cummings: Um conselheiro de quem Boris Johnson recusa qualquer distanciamento

O estratego do Brexit nem sequer necessitou de ser eleito para ser o aliado de eleição do primeiro-ministro britânico. Ao ponto de ser mantido em funções após ser revelado que violou, sem sombra de arrependimento, as regras de confinamento durante a pandemia de Covid-19.

Tudo poderia não passar de uma nota de rodapé se Boris Johnson tivesse sucumbido nas noites de internamento nos cuidados internsivos em que, sob os cuidados do enfermeiro português Luís “de perto do Porto”, travou a batalha de desfecho incerto contra a Covid-19.

Mas o escândalo que está a abalar o Reino Unido ocorreu logo após o primeiro-minisro britânico receber o teste positivo, quando o seu conselheiro principal, Dominic Cummings, decidiu que era seu dever, enquanto pai de família, conduzir 425 quilómetros a meio da noite, entre Londres e Durham, no nordeste de Inglaterra, para deixar o filho de quatro anos em casa dos avós paternos.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Empresários alemães antecipam “desastre económico ” com Brexit sem acordo

Os empresários alemães consideraram hoje que se não houver “regras claras” relativamente ao comércio de mercadorias após o ‘Brexit’, haverá um “desastre económico” para as empresas do país.

Governo revela plano de contingência para evitar colapso do SNS no outono

O gabinete de Marta Temido anunciou algumas medidas que deverão evitar o colapso do SNS numa altura em que a gripe sazonal marca o regresso. O Ministério da Saúde vai antecipar já para o início de outubro a vacinação contra a gripe sazonal e reforçar cuidados intensivos e laboratórios.

Português barrado à porta. Estes 14 países bloqueiam ou limitam a entrada de portugueses

A Europa está reabrir progressivamente as fronteiras mas nem todos os países autorizam a entrada de cidadãos portugueses. Existem oito países que colocam Portugal na lista vermelha de países, proibindo-lhe a entrada, enquanto que outros seis impõe restrições a viajantes portugueses.
Comentários