Dona do Amoreiras notifica Concorrência da compra do Fórum Aveiro

A operação foi notificada há uma semana, em 9 de outubro, e concretiza-se através da aquisição do controlo exclusivo sobre a RPFI Aveiro pela Mundicenter, detida pela construtora Alves Ribeiro.

A Mundicenter, dona de centros comerciais como o Amoreiras, Strada ou Braga Parques, notificou a Autoridade da Concorrência (AdC) da compra do Fórum Aveiro, centro comercial a céu aberto inaugurado há 20 anos, revela um aviso da AdC.

A operação foi notificada há uma semana, em 9 de outubro, e concretiza-se através da aquisição do controlo exclusivo sobre a RPFI Aveiro pela Mundicenter, detida pela construtora Alves Ribeiro.

A operação de concentração em causa consiste na aquisição, pela Mundicenter,   do controlo exclusivo (100% do capital social) da sociedade RPFI Aveiro, Sociedade Imobiliária, através da aquisição.

A Mundicenter, além dos centros comerciais, presta serviços de consultoria e de assistência e manutenção, enquanto a Sociedade Imobiliária RPFI Aveiro se dedica à exploração, desenvolvimento e gestão do Centro Comercial Fórum Aveiro.

O terceiro empresário mais rico de Portugal é Vítor Manuel da Silva Ribeiro, segundo a edição de julho da revista Forbes, que tem como principais ativos a Alves Ribeiro Construção, o Banco Invest e a Mundicenter, proprietária e responsável pela gestão de oito centros comerciais, entre os quais o Amoreiras Shopping Center, o Centro Comercial de Alvalade e o Spacio Shopping, em Lisboa, o Arena Shopping, em Torres Vedras, o Oeiras Parque, o Braga Parque, o Strada Outlet, em Odivelas, e o Campus São João, no Porto.

Recomendadas

Epson Europa vê Portugal como “mercado totalmente estratégico”

Raúl Sanahuja, responsável de Relações Públicas e Comunicação da Epson, considera que as empresas portuguesas são mais “ousadas” e “lançadas” na integração de tecnologia de impressão.

“Problemas no setor de aviação convertem-se em oportunidades”, considera CEO da EuroAtlantic

Quais os grandes desafios que o setor da aviação vai ter que ultrapassar? Eugénio Fernandes, CEO da EuroAtlantic, esclarece que a empresa funciona em contraciclo com o mercado e que os problemas no setor convertem-se em oportunidades. Quanto aos problemas, este responsável aponta a falta de pessoal como questão a ultrapassar.

PremiumPartner da Peugeot lidera vendas nacionais da marca

Jean-Philippe Imparato explicou ao Jornal Económico a evolução global da marca no ano passado, com uma quebra de 8,8% registada nas suas vendas mundiais (excluído o mercado do Irão).
Comentários