“Ele soa como nós”. Ex-líder do Klu Klux Klan elogia Bolsonaro

“Ele é sem dúvida um descendente europeu. Parece-se com qualquer homem branco nos EUA, em Portugal, Espanha ou Alemanha e França”, qualificou o David Burke, ex-líder do Klu Klux Klan.

Varela Notícias

“Ele soa como nós. E também é um candidato muito forte. É um nacionalista”, disse David Duke, o ex-líder da KKK à BBC, sobre Jair Bolsonaro, candidato apontado como favorito às eleições presidenciais no Brasil que vão ter agora a segunda volta.

“Ele é sem dúvida um descendente europeu. Parece-se com qualquer homem branco nos EUA, em Portugal, Espanha ou Alemanha e França. Tem vindo a falar sobre o desastre demográfico que existe no Brasil e a enorme criminalidade que existe ali, como por exemplo nos bairros negros do Rio de Janeiro”, afirmou Duke.

 

 

Recomendadas

Stephen Barclay é o novo ministro para o Brexit

Novo secretário para o Brexit é membro do governo liderado por Theresa May, onde exercia funções na saúde. Substitui Dominic Raab, que apresentou a sua demissão esta quinta-feira.

Estes deputados assinaram a moção de censura contra Theresa May

Até agora, confirma-se 20 deputados, entre eles o líder do movimento contra o Brexit Jacob Rees-Mogg. De acordo com as regras estipuladas no Reino Unido, é necessário que 15% dos deputados do partido (48 dos 315 deputados conservadores) escrevam cartas a exigir uma moção de censura à sua líder.

DBRS mantém notação AAA para o Reino Unido

Apesar de perceber os riscos associados a todos os cenários, mesmo o possível chumbo do acordo por parte da Câmara dos Comuns, a agência canadiana mantém a confiança nos fundamentais da economia britânica.
Comentários