Estas aplicações de bancos ajudam-no a manter as finanças em ordem

Numa altura em que a digitalização ganha um peso cada vez maior nas nossas vidas, os bancos têm vindo a adaptar-se a esta nova realidade com o lançamento de apps que permitem que os clientes acedam e controlem as suas contas bancárias através do smartphone. Conheça 5 soluções neste artigo.

Através das aplicações de homebanking é possível controlar de perto o estado das nossas finanças pessoais quase tão rápido e tão fácil como se fôssemos enviar uma mensagem.

Se porventura tem várias contas bancárias em diferentes instituições, então leia este artigo no qual o ComparaJá.pt apresenta cinco apps de bancos que vão ajudar a gerir melhor as suas finanças pessoais.

Estas cinco aplicações são gratuitas e encontram-se disponíveis para dispositivos Android e iOS.

 

DABOX: app gratuita da CGD, que permite contas de todos os bancos

A Caixa Geral de Depósitos lançou a DABOX, a app que é considerada o “guru” das finanças. A DABOX é a app da Caixa que disponibiliza o serviço de informação sobre contas à ordem e que permite ao cliente gerir várias contas numa só ferramenta. Se tem diferentes contas, a DABOX ajuda a ter uma visão completa dos seus gastos e do dinheiro que ainda tem disponível.

A app DABOX encontra-se disponível tanto para clientes Caixa, com ou sem serviço Caixadirecta ativo, bem como para utilizadores de todos os outros bancos.

Depois de descarregar a app, a sua utilização é bastante simples. Em primeiro lugar, tem de adicionar pelo menos uma conta bancária. De seguida, a ferramenta vai categorizar automaticamente os seus movimentos bancários para lhe mostrar o panorama das suas finanças.

Através de 8 categorias e 46 subcategorias, os utilizadores conseguem categorizar os gastos, perceber qual o orçamento disponível, identificar movimentos duplicados ou estranhos, estabelecer e monitorizar objetivos de poupança.

 

NB smart app: pague pequenas dívidas através das redes sociais

O Novo Banco disponibiliza a NB smart app, outra solução de mobile banking para smartphones. Os clientes desta instituição podem controlar todas as suas operações e gerir o orçamento familiar através desta app, de forma simples e sem custos associados.

Além de poder fazer levantamentos em caixas multibanco utilizando apenas o telemóvel, o cliente pode também efetuar pagamentos em lojas físicas através de um sistema contactless sem necessitar do cartão.

Com a NB smart app é possível ainda pagar faturas, necessitando apenas de tirar uma fotografia ao documento e automaticamente os dados ficam preenchidos para realizar o pagamento.

Ademais, se o cliente tiver uma pequena dívida a um amigo, pode pagar pequenas quantias através dos chats das redes sociais.

 

Moey!: levante dinheiro no estrangeiro sem pagar taxas

O Crédito Agrícola lançou o Moey! que, à semelhança das outras apps de bancos, permite que o cliente faça pagamentos e envie dinheiro utilizando apenas o smartphone, disponibilizando ferramentas de poupança igualmente.

A grande vantagem desta app reside no facto de não se pagarem comissões de levantamento dentro da Zona Euro. Já no resto do mundo é aplicada uma taxa de 1,7% sobre o valor do levantamento.

O Moey! permite ainda dividir a conta de um jantar com amigos. Para isso, o cliente precisa apenas de criar um grupo com os contactos e dividir as despesas. Caso haja algum esquecido, a ferramenta permite ainda enviar um reminder.

Esta solução não inclui custos de abertura ou gestão de conta e está integrada na Apple Pay. Na prática, quem tiver um smartphone da marca Apple pode também fazer pagamentos com o smartwatch.

O próprio MB Way está integrado nesta ferramenta e as transferências bancárias não têm qualquer encargo associado até ao limite máximo de 40 transações por mês. A partir das 41 transferências mensais é cobrado um valor unitário de 50 cêntimos por cada uma.

Os clientes do Moey! podem também ter acesso a um cartão físico, que é enviado para a morada solicitada sem custos.

 

BPI App: organize as suas finanças utilizando apenas o smartphone

A app do Banco BPI oferece ao cliente a possibilidade de verificar saldos e movimentos, fazer transferências e de consultar as contas de outros bancos. Esta ferramenta também inclui as funcionalidades do MB Way.

O cliente pode organizar, de forma automática, os movimentos da conta à ordem e do cartão de crédito em categorias pré-definidas (tais como saúde, supermercado, transportes, entre outros).

Também é possível configurar alertas e notificações para não se esquecer das suas obrigações financeiras do dia-a-dia (lembretes para realizar pagamentos, prestações, agendamentos, débitos diretos, entre outros).

Se quiser ter um panorama dos seus gastos, a app apresenta-lhe um resumo mensal e anual de receitas e despesas.

Num futuro próximo, com esta aplicação os clientes vão poder iniciar transferências em contas de outros bancos, bem como iniciar pagamentos de serviços a partir de contas noutros bancos.

 

App Millennium: uma das apps de bancos com planos de poupança exclusivos

O serviço de homebanking do Millennium BCP também disponibiliza um conjunto de funcionalidades idênticas às das ferramentas anteriores: agregar as contas de vários bancos numa só app; gerir débitos diretos sem ter de se deslocar a um balcão; ativar notificações sobre movimentos bancários; entre outras.

O cliente pode ainda fazer pedidos de cartões, ativação de cartões de crédito, simulação e pedido de crédito habitação e de crédito pessoal. Existem ainda vários produtos de poupança que são exclusivos da App Millennium.

Se surgir alguma questão, não precisa de se deslocar a um balcão da instituição, já que é disponibilizado o serviço MContacto, através do qual pode trocar mensagens com o banco, de forma segura.

Ler mais
Relacionadas

Veja como mudar de banco em 5 passos

Seja por pagar demasiadas comissões bancárias, por não gostar dos serviços prestados ou, simplesmente, por achar que é altura de mudar, às vezes tem mesmo que encontrar uma nova conta. Mas haverá muita burocracia envolvida no processo? Saiba tudo neste artigo.

6 Custos bancários que nem sabia que existiam (e pode evitar)

Há serviços onde, provavelmente, não sabia que estavam a ser cobradas comissões bancárias e com os quais pode reduzir os custos bancários. Descubra, neste artigo, seis encargos que pode facilmente evitar.

É um cliente de risco para o seu banco? Faça aqui a simulação

Já se questionou porque é que as instituições financeiras lhe pedem comprovativos de IRS e recibos de vencimento quando solicita um financiamento? A verdade é que é através destes documentos que os bancos conseguem calcular a sua taxa de esforço e, assim, decidir se concedem, ou não, o crédito em questão.
Recomendadas

Aprovada proposta do Governo para mora no pagamento de renda dos contratos não habitacionais até 31 de dezembro

A nova lei define que os donos de estabelecimentos, forçados a encerrar devido à pandemia, possam usufruir de moratória até 31 de dezembro

Três em cada 10 portugueses permitiria que Governo monitorizasse atividade nas redes sociais

O inquérito da consultora demonstra que apenas 19% dos portugueses que participaram nesta investigação tinham ouvido falar em sistemas de qualificação social. Principal motivo para permitir esta partilha de informação prende-se com o acesso a oportunidades de emprego.

Crédito habitação: 6 formas de negociar o spread com os bancos

Existe um conjunto de requisitos e táticas que permitem negociar o spread com o banco. Descubra quais são.
Comentários