EUA: Pentágono autoriza mil milhões para a construção do muro de Trump

Depois de ter declarado estado de emergência nacional para obter financiamento para a construção do muro, Trump conseguiu finalmente o primeiro cheque no valor de mil milhões de dólares.

Foi autorizado um cheque de mil milhões de dólares (880 milhões de euros) destinados à construção de um segmento do muro na fronteira com o México prometido pelo presidente norte-americano Donald Trump.

A notificação da reprogramação do orçamento do Pentágono enviada ao Capitólio, na segunda-feira, e obtida pela ‘CNN’, indica que até mil milhões serão destinados à construção de 91,7 quilómetros, melhorando as estradas e outras medidas na fronteira sul.

Esta é a primeira parte do financiamento obtido pela Administração norte-americana ao abrigo da emergência nacional declarada por Trump como forma de contornar as objecções do Congresso à construção do muro.

Em fevereiro, o presidente Donald Trump declarou uma emergência nacional para canalizar mil milhões de dólares para a construção de muros.

Como parte do seu anúncio, ele direcionou o uso de dinheiro de contrabando para financiar parcialmente a construção da infraestrutura fronteiriça. Sob pretexto da emergência nacional, outros fundos também podem ser dedicados à construção do muro e infraestruturas relacionadas, incluindo fundos militares. Apesar de ser um mecanismo relativamente comum, a emergência nacional declarada por Trump levanta uma série de problemas constitucionais, sobretudo por servir para que o Presidente possa cumprir uma promessa eleitoral chumbada pelo Congresso.

Respostas Rápidas: Pode a 25ª Emenda tirar Trump da Casa Branca?

“Apresentamos firmes objeções tanto à substância da transferência de fundos, como à aplicação da transferência pelo departamento sem ter procurado a aprovação pelas comissões de Defesa do Congresso”, escreveram os senadores numa carta à qual a CNN teve acesso.

A Divisão de Engenharia Militar já recebeu ordens para começar a planear as obras, que serão feitas entre as secções fronteiriças de Yuma e El Paso.

Ler mais
Recomendadas

Assista ao discurso de Ursula von der Leyen no Parlamento Europeu

A nome da candidata alemã vai ser hoje votado pelos eurodeputados para presidente da Comissão Europeia. Assista ao discurso inicial da política alemã, que teve lugar antes do debate e votação.

Parlamento Europeu escolhe entre Ursula von der Leyen e a crise política

Voto secreto e difícil conciliação das diversas famílias políticas aumentam suspense quanto ao veredicto do Parlamento Europeu. Chumbo da ainda ministra da Defesa da Alemanha daria um mês para os Estados-membros encontrarem uma nova solução.

Respostas Rápidas: A que se deve o impasse para formar governo em Espanha?

Três meses depois, as negociações para formar governo em Espanha ainda não chegaram a bom porto. Investidura na próxima semana parece cada vez mais longe de se concretizar.
Comentários