PremiumFC Porto campeão: 22 dias que mudaram a história da Liga

A 25 de janeiro, tudo parecia perdido para o FC Porto, com o ‘murro na mesa’ de Sérgio Conceição a expor problemas internos. Vinte e dois dias bastaram para alterar tudo, após o ‘basta’ de Marega ao ouvir insultos racistas em Guimarães marcar a união do plantel que levou à conquista do 29.º título de campeão nacional de futebol.

O FC Porto conquistou o 29.º título da sua história depois de uma época em que, a determinada altura, tudo parecia perdido. Em 22 dias (entre a derrota na Taça da Liga que expôs publicamente problemas internos do clube e a vitória no Dragão frente ao Benfica que relançou a Liga) tudo mudou para que os ‘azuis e brancos’. A retoma da Liga confirmou as fragilidades do Benfica que entretanto despediu Bruno Lage e a força mental do plantel do FC Porto, que conseguiu mostrar-se mais consistente na Liga pós-retoma. No entanto, são muitas as incertezas em torno do campeão nacional, a começar pela acumulação de empréstimos obrigacionistas e a acabar nos seis jogadores nucleares no FC Porto que terminam contrato na próxima temporada.

Com a saída de Herrera e Brahimi a custo zero e as vendas inevitáveis de Felipe e de Éder Militão, o FC Porto tinha como primeiro objetivo da época a chegada à fase de grupos da Liga dos Campeões e a garantia de uma receita superior a 40 milhões de euros. Investiu 62,1 milhões de euros e fechou a porta à transferência de jogadores considerados decisivos no plantel, como Danilo e Alex Telles. A vitória na Rússia frente ao Krasnodar abriu uma porta para os milhões, mas na segunda mão, os russos iriam empurrar o FC Porto para a Liga Europa.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Demite-se presidente da Mesa da Assembleia Geral da Benfica SAD

Benfica SAD perde presidente da Mesa da Assembleia Geral três depois de Luís Nazaré, então presidente da Mesa da Assembleia Geral do clube, também ter renunciado.

NBA lança-se no mundo das apostas com o serviço NBABet Stream

Com a legalização das apostas desportivas nos EUA em 2018, a NBA torna-se a primeira grande liga desportiva dos EUA a atacar o mercado.

Siza Vieira sobre a possibilidade de adeptos nos estádios: “É mais importante que os jogos se realizem em segurança”

“É mais importante garantirmos a segurança de que as atividades se realizem sem percalços e com limitações do que permitir flexibilidade e depois ter de voltar atrás”, realçou o ministro à margem da conferência sobre o ‘Futebol Profissional e Economia Pós Covid-19’ que decorreu em Oeiras.
Comentários