Fisco tem equipa ‘secreta’ que vigia, segue e fotografa contribuintes

Direção de Finanças do Porto criou equipa para vigilância de contribuintes. Suspeita de atuação à margem da lei levou a AT a realizar auditoria.

Depois das operações STOP do fisco, mandadas cancelar pelo Governo, a direção de Finanças do Porto (DFP) volta a estar no epicentro de nova polémica.

Esta direção criou em 2017 uma equipa de investigação criminal que, sem ordens de serviço escritas, faz vigilâncias, seguimentos e recolha de material fotográfico de suspeitos de crimes fiscais, conforme avança o Jornal Económico esta sexta-feira (acesso pago).

Sobre esta estrutura recaem suspeitas de atuar à margem da lei e, após uma denúncia, a Autoridade Tributária ordenou a realização de uma auditoria, disse ao JE fonte oficial do Ministério das Finanças.

O ministério liderado por Mário Centeno garante que esta equipa especial do Fisco tem enquadramento orgânico, tendo sido criada por proposta do anterior diretor de Finanças do Porto. Mas o presidente do Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos (STI), Paulo Ralha, afirma desconhecer a sua existência.

Questionada sobre denúncias de uma alegada atuação à margem da lei, fonte oficial da Finanças revelou que decorre uma auditoria, após chamada de atenção por parte de um sindicato.

“Tendo a atução desta equipa sido objeto de preocupação transmitida por uma organização sindical à AT, essas considerações justificaram que se determinasse uma averiguação, que se materializa numa auditoria que decorre”, disse fonte oficial das Finanças, acrescentando que a auditoria “encontra-se em curso, pelo que é premturo falar sobre o objeto da mesma”.

 

Ler mais
Relacionadas

Plano de atividades das Finanças do Porto já previa penhoras à saída da autoestrada

A operação em Valongo levou à demissão de diretor de Finanças do Porto. Ministério das Finanças assegurou desconhecer ação, mas a mesma estava prevista num documento oficial da Justiça Tributária da Direção de Finanças do Porto.

Camião de cavalos arrestado pelo fisco: “Como é que eu vou dar garantias bancárias de 200 e tal mil euros?”

Os casos dos contribuintes que foram multados ou viram o seu veículo arrestado durante a operação stop do fisco continuam a vir a público. “É uma vergonha, tanta gente a parar por causa disto, mais valia mandarem a dívida para casa e as pessoas pagarem”, reclamou uma contribuinte.

Condutora que pagou multa na operação stop do fisco: “Isto é injusto”

Uma das condutoras mandada parar na operação stop fiscal teve de pagar uma multa sobre o Imposto Único de Circulação (IUC) que tinha em atraso. A contribuinte garante que não tinha conhecimento da multa para pagar, pois não tinha sido notificada pelo fisco.

Chefe das Finanças do Porto lançou operações stop do fisco em segredo

Segundo o Jornal de Notícias, as seis operações stop do fisco foram preparadas em segredo e só com o conhecimento de mais dois funcionários das Finanças do Porto, sem avisar a tutela, para arrecadar a receita em falta.
Recomendadas

CFP quer que Governo passe a justificar desvios significativos na Lei de Enquadramento Orçamental

O Conselho de Finanças Públicas “quer que sempre que o Governo não siga o alerta ”desta entidade“ para correção de desvio significativo na LEO “deve explicar porque não o faz”. Nazaré da Costa Cabral propõe assim este aditamento à proposta de alteração, que está em discussão na especialidade, no Parlamento.

Fisco validou 257 milhões de euros em créditos fiscais a quatro bancos

Entre 2016 e 2019, o a Unidade dos Grandes Contribuintes recebeu 19 pedidos de conversão em créditos tributários mas apenas aprovou 11, tendo rejeitado 121 milhões de euros.

Eurogrupo elege hoje presidente, no adeus de Centeno e na estreia de João Leão 

Três ministros avançaram com candidaturas à presidência do fórum informal de ministros das Finanças da zona euro: a espanhola Nadia Calviño, o irlandês Paschal Donohoe e o luxemburguês Pierre Gramegna.
Comentários