Fisco vai ter acesso a dados de passageiros aéreos

A mega-base de dados ainda não está em funcionamento, mas o Gabinete de de Informação de Passageiros, que irá tratar a informação, já está a ser instalado. Finanças juntam-se à PJ, PSP, GNR e Serviço de Estrangeiros e Fronteiras no acesso à informação.

A Autoridade Tributária e Aduaneira vai ter acesso à base de dados com o registo de identificação de passageiros, que cruza informações como nomes e moradas, datas e trajetos das viagens aéreas, assim como meios de pagamento, noticia o jornal “Público“, na edição deste sábado.

A mega-base de dados ainda não está em funcionamento, mas o Gabinete de de Informação de Passageiros, que irá tratar a informação, já está a ser instalado, adiantou ao gabinete da secretária-geral do Sistema de Segurança, Helena Fazenda, ao matutino.

As Finanças juntam-se assim à PJ, PSP, GNR e Serviço de Estrangeiros e Fronteiras no acesso à informação, cujo objetivo assinalam passa por prevenir e investigar suspeitas de terrorismo e outros crimes graves.

 

Recomendadas

Mais de 300 artistas exigem 1% imediato do Orçamento do Estado para a Cultura

Mais de 300 artistas, concentrados em frente ao Teatro Nacional de São Carlos, em Lisboa, exigem um valor imediato de 1% do Orçamento do Estado (OE) para a Cultura, em 2020, numa iniciativa convocada pela Plataforma Cultura em Luta.

Ordem dos Engenheiros subscreve declaração sobre emergência climática

O documento da WFEO, recentemente emitido, elenca 11 medidas concretas com as quais a federação internacional das ordens de engenheiros se compromete, considerando as crises de colapso climático como as questões mais graves da atualidade.

“Pirralha!”. Greta Thunberg defende causa indígena e Jair Bolsonaro reage

Bolsonaro referia-se às declarações da jovem no Twitter, em que afirmou que “os povos indígenas estão literalmente a ser assassinados por tentar proteger a floresta da desflorestação ilegal. Repetidamente. É vergonhoso que o mundo permaneça calado sobre isso”.
Comentários