“Há condições para continuar o plano de desconfinamento”. Governo apresenta novas medidas dia 1 de abril

Mariana Vieira da Silva afirma que a mensagem que o Governo quer passar é ter atenção à situação da matriz porque é ela quem vai decidir se é possível dar os passos dia 5 ou se “é preciso atenuar o ritmo de desconfinamento”.

Mariana Vieira da Silva

Durante o briefing do Conselho de Ministros, com a ministra de Estado e da Presidência a falar pelo Governo, Mariana Vieira da Silva anunciou que “temos condições para continuar o plano de desconfinamento”, advertindo, porém que “apesar de estarmos na zona verde da matriz, isso não significa que possamos fazer todas as coisas”.

Ainda assim, com o país situando-se na linha verde da matriz de risco (abaixo dos 120 casos por 100 mil habitantes e com um risco de transmissão (Rt) abaixo de 1), há condições para prosseguir” o plano de desconfinamento previsto, embora as medidas que entram em vigor dia 5 só sejam decididas no dia 1 de abril. É uma “decisão de cautela e alerta”, disse esta sexta-feira, a governante.

Os dados à data de ontem, quinta-feira, revelam uma incidência da covid-19 em Portugal de 67,7 casos por 100 mil habitantes e um Rt de 0,81.

Para já, a mensagem que o Governo quer passar é ter atenção à situação da matriz porque é ele que vai decidir se é possível dar os passos dia 5 ou se “é preciso atenuar o ritmo de desconfinamento”.

A ministra sublinhou ainda que “as regras com que viveremos até 5 de abril são exatamente as mesas com que vivemos hoje”, nomeadamente em termos das actividades que são ou não permitidas, limitações aos ajuntamentos, dever de permanecer em casa e proibição de circulação entre concelhos até às 23h50 de 5 de abril.

A ministra da Presidência repete a expressão de “desconfinamento a conta gotas” e diz que para que se mantenha o que está previsto para dia 5 de abril (regresso à escola dos 2º e 3º ciclos, esplanadas, cafés) “precisamos de nos manter na zona verde e em segurança”.

Relacionadas

Covid-19: Proibido circular entre concelhos no continente entre hoje e 05 de abril

 A circulação entre concelhos em Portugal continental está proibida desde as 00:00 de hoje e as 05:00 de 05 de abril, a segunda-feira após a Páscoa, no âmbito do estado de emergência para combater a pandemia de covid-19.

Estado de emergência renovado até 15 de abril

Esta é a 14ª renovação do estado de emergência que entrará em vigor a partir de dia 1 de abril e vai durar até 15 de abril.
Recomendadas

DGS reduz intervalo de tempo entre primeira e segunda dose da Pfizer/BioNTech

A mudança em causa vai ao encontro daquilo que tinha sido pedido pelo coordenador da task force, o vice-almirante Gouveia e Melo, que pretende conseguir vacinar os jovens antes do início do ano letivo.

Portugal regista mais 19 mortes e 2.076 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

As autoridades sanitárias contabilizaram mais 4.368 pessoas recuperadas nas últimas 24 horas, elevando para 909.330 o número total de pessoas livres do vírus SARS-CoV-2.
Ana Rita Bessa

CDS-PP quer esclarecimentos da DGS sobre vacinação entre 12 e 15 anos

O CDS-PP questionou esta terça-feira o Governo sobre a vacinação contra a covid-19 de adolescentes entre os 12 e 15 anos, apelando a esclarecimentos da Direção-Geral da Saúde sobre algumas recomendações já emitidas, como a necessidade de prescrição médica.
Comentários