Há mais pessoas a trabalhar no setor da construção em Portugal

O índice de produção na construção aumentou em termos homólogos 2,3%, acompanhando o crescimento dos índices de emprego e de remunerações, que se situaram em 2,4% e 4,4%, respetivamente.

Construtora portuguesa Lucios

O índice de produção na construção cresceu 2,3% em fevereiro, em termos homólogos, acompanhando o crescimento da taxa de emprego no setor, que se situa em 2,4%, em termos homólogos.

Os dados são apresentados pelo INE – Instituto Nacional de Estatística, esta quarta-feira, que informa também que a construção de edifícios abrandou 0,4 pontos percentuais, para uma variação de 2,2%, enquanto a engenharia civil acelerou, passando de uma variação homóloga de 1,9% em janeiro para 2,4% em fevereiro.

Relativamente ao emprego, o índice no setor da construção cresceu 2,4% em termos homólogos, sendo que em janeiro o valor situava-se nos 2,0%. Face ao mês anterior, o índice de emprego aumentou apenas 0,3%.

No âmbito das remunerações, em fevereiro, o índice das remunerações efetivamente pagas registou uma taxa de variação homóloga de 4,4%, uma desecelaração face ao arranque do ano, (4,6% em janeiro). Comparativamente com o mês anterior, o índice das remunerações diminuiu 0,9%.

 

Recomendadas

Preços de Transferência: Qual o papel dos prestadores de serviços na ajuda às multinacionais

Criação de valor com os preços de transferência está na ordem do dia. As empresas que querem vir a internacionalizar não podem descurar esta dinâmica. As consultoras estão atentas a esta matéria fiscal com o objetivo de obterem os melhores resultados para os clientes.

Marcelo não se pronuncia sobre crédito da Caixa a Isabel dos Santos

“Não comento casos específicos nesse domínio, como noutros”, disse Presidente da República, questionado sobre as notícias do empréstimo de 125 milhões de euros pela Caixa Geral de Depósitos (CGD) a Isabel dos Santos, sem que a instituição tenha avaliado se a empresária tinha capacidade financeira para pagar.

“Quem não for votar, não diga que outros acabaram por fazer escolhas que não aquelas que queriam”, diz Marcelo

Presidente da República apelou à participação eleitoral este domingo e defendeu que “o voto é de cada qual e desperdiça-lo é verdadeiramente, em todos os momentos, mas agora em particular, um erro enorme”.
Comentários