PremiumHaitong e BNP Paribas na corrida para a compra do Eurobic

Participações de Isabel dos Santos e de FernandoTeles também interessam a dois fundos de investimento. Nova administração do Eurobic será eleita na assembleia geral de 14 de setembro, com José Azevedo Pereira a substituir Teixeira dos Santos.

Existem neste momento quatro interessados na compra do Eurobic. Entre eles figuram o Haitong Bank (ex-BESI) e o BNP Paribas, segundo apurou o Jornal Económico (JE) junto de fontes próximas ao processo, assim como dois fundos de investimento que não foi possível identificar. Contactados pelo JE, os dois bancos não comentaram.

A venda do banco de capitais angolanos voltou à estaca zero depois da tentativa de venda ao Abanca ter fracassado, devido ao preço colocado em cima da mesa pelo banco espanhol, em junho de 2020.

Apesar dos rumores de mercado que apontam para a retoma das negociações entre o Abanca e Isabel dos Santos e Fernando Teles, acionistas que detêm em conjunto 80% do Eurobic, o Jornal Económico apurou que a instituição financeira espanhola desistiu da compra do banco.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Relacionadas

Azevedo Pereira substitui Teixeira dos Santos no EuroBic. Pedro Maia será ‘chairman’

O nome do novo CEO já terá recebido sinais favoráveis do Banco de Portugal nas consultas prévias, apesar de ainda ter de passar o crivo de ‘fit e proper’ do regulador, e deverá ser aprovado em assembleia-geral de dia 14 de setembro, noticia o jornal online “Eco”.
Recomendadas

Lucros do Bankinter afundam 50% para 220 milhões

Bankinter justifica recuo nos lucros com a realização de provisões devido à pandemia. Já o Bankinter Portugal viu os resultados antes de impostos recuarem 36% para 33 milhões de euros.

Conselho Geral do Novo Banco aprova hoje redução da administração executiva e continuidade de Ramalho

É hoje que é decidida a renovação do mandato para António Ramalho que se mantém presidente executivo do Novo Banco no próximo mandato de 2021-2024. O Conselho Geral de Supervisão vai reduzir o Conselho de Administração Executivo para seis membros e aprovar o novo plano de negócios.

Tribunal da Concorrência declara prescrição de coimas do BdP a ex-administrador do Montepio

Tribunal da Concorrência declarou a prescrição das contraordenações imputadas pelo supervisor ao ex-administrador do Montepio Rui Amaral, num processo que já teve sentença anulada pelo Tribunal da Relação e que tem novo início agendado para a semana.
Comentários