Indústria dos serviços da China recupera crescimento

O Purchasing Managers’ Index (PMI) colocou o sector dos serviços da china com um valor de 53.8, face aos 53.4 do mês anterior, bem acima dos 50.0, que é um indicativo de estagnação.

A indústria dos serviços da China continuou a crescer, em novembro, depois de um período de abrandamento, mas a perspectiva futura continua a não ser positiva, tendo em conta riscos domésticos e externos, diz a Reuters.

O Purchasing Managers’ Index (PMI) realça que o sector dos serviços na China, em dezembro, subiu para 53.8, face aos 53.4 do mês anterior, bem acima dos 50.0, que indica estagnação.

De referir que recentemente o setor da indústria na China registou uma quebra de 1,8% nos lucros, em novembro, em termos homólogos, para 75.840 milhões de euros, uma descida de 3,6%, face ao mês anterior, de acordo com o gabinete nacional de estatística (GNE).

A disputa comercial com os Esrados Unidos foi um dos motivos, avançados pelo GNE, para justificar esta descida nos lucros.

 

Recomendadas

Receita fiscal sobe para 47.408 milhões de euros

Em ano de excedente orçamental, o Governo espera receber mais 1.276 milhões de euros do que em 2019. As receitas do IVA continuam a representar a principal fatia dos 26.878 milhões de euros estimados para os impostos indirectos.

Orçamento com poucas alterações

Para as famílias portuguesas, e em matéria de IRS, a Proposta de Lei do OE 2020 não contempla alterações com um impacto significativo.

Jaime Esteves: “Dedução fiscal para jovens que saem de casa dos pais tem impacto pequeno”

O fiscalista Jaime Esteves defende que o agravamento sucessivo da tributação do alojamento local é um dos problemas da política fiscal e que Portugal pode matar a ‘galinha dos ovos de ouro’ da recuperação económica.
Comentários