Internacionalização: como a Liga pode aprender com a NBA. Carlos Barroca vem ao “Jogo Económico

Carlos Barroca, vice-presidente de Operações da NBA na Ásia, vem ao “Jogo Económico” para debater as possibilidades de internacionalização que se colocam à Liga portuguesa, analisando um dos melhores modelos de globalização do mundo: a NBA.

Com o mercado interno saturado, é unânime que a Liga portuguesa deve iniciar um processo de internacionalização, aproveitando o facto de Portugal ter formado alguns dos melhores talentos mundiais e de ainda ostentar o título de campeão da Europa.

Há muito que a NBA começou esse processo e hoje são muitos os países que recebem as melhores partidas de basquetebol do mundo. Junte-se a isso a transmissão de jogos para mais de 200 países e em mais de 40 idiomas diferentes e a contratação de atletas oriundos de 40 países. Quem sabe se, dentro de pouco tempo, um desses jogadores não será o português Neemias Queta.

Nesta edição, que vai para o ar esta sexta-feira às 19h00 na plataforma JE e nas redes sociais do Jornal Económico e às 19h10 no canal “A Bola TV”, e que vai contar com a presença dos comentadores Luís Miguel Henrique, João Marcelino e Diogo Luís, vamos debater as possibilidades de internacionalização que se colocam à Liga portuguesa, olhando para um dos melhores modelos de globalização do mundo: a NBA. Para esse debate contamos com a presença de Carlos Barroca, vice-presidente de Operações da NBA na Ásia.

Recomendadas

PremiumApertem o cinto: ‘downgrade’ está a chegar à Liga portuguesa

Passes de jogadores desvalorizados, poder negocial todo do lado de quem compra, orçamentos que vão ter de ser adaptados à redução de receitas que se espera nos próximos anos, com bilheteira e patrocínios a cair e a operadora NOS a deixar de assegurar um terço das receitas da Liga a partir de junho de 2021. A pandemia acelerou a crise do futebol português e ninguém poderá desenvolver imunidade tão cedo.

Lisboa pode receber final da Liga dos Campeões já este ano, avança “New York Times”

A final da Liga dos Campeões está agendada para Istambul, mas vários órgãos de comunicação social internacionais, como o ‘New York Times’, avançam que a final pode decorrer em outro local, sendo Lisboa uma das hipóteses.

Sporting firma parceria com EDP e equipa Academia de Alcochete com 600 painéis solares para autoconsumo

A parceria prevê projetos de eficiência energética e sustentabilidade, a par com um novo contrato de fornecimento de energia, que vão permitir ao clube poupar pelo menos 180 mil euros por ano na fatura energética.
Comentários