Investigadores da Universidade da Madeira e do Serviço Regional de Saúde vencem prémio Pfizer da Sociedade Portuguesa de Pneumologia

A distinção foi para o melhor artigo publicado em revista indexada em 2019, com um trabalho de investigação na área das doenças respiratórias.

Os investigadores do Centro de Química da Madeira (CQM) José Câmara e Pedro Berenguer, a docente da Faculdade de Ciências da Vida da Universidade da Madeira (UMa), Irene Camacho, e as médicas alergologistas do Serviço Regional de Saúde (SESARAM) Rita Câmara e Susana Oliveira, foram distinguidos com o prémio Pfizer da Sociedade Portuguesa de Pneumologia.

A distinção foi para o melhor artigo publicado em revista indexada em 2019, com um trabalho de investigação na área das doenças respiratórias.

O artigo intitulado “Determination of potential childhood asthma biomarkers using a powerful
methodology based on microextraction by packed sorbent combined with ultra-high pressure liquid
chromatography. Eicosanoids as case study” foi publicado no Jornal of Chromatography A.

A publicação resultou do trabalho desenvolvido por Pedro Berenguer, no âmbito da sua tese de
Mestrado em Bioquímica Aplicada da Universidade da Madeira, sob orientação de
José Câmara (CQM) e coorientação de Irene Camacho (FCV), e visa a identificação
de potenciais biomarcadores para o diagnóstico de asma em crianças, utilizando uma metodologia baseada na microextração com adsorvente empacotado combinada com cromatografia
líquida de alta pressão. As médicas Rita Câmara e Susana Oliveira (SESARAM) são também
coautoras do artigo.

O prémio, no valor de cinco mil euros, foi atribuído pela Sociedade Portuguesa de Pneumologia com o apoio financeiro da Pfizer, no âmbito do 36.º Congresso de Pneumologia e do 2.º Congresso LusoPALOP de Pneumologia.

Recomendadas

PremiumCINM cresceu em 2020 apesar da indefinição

Líder parlamentar do PS-Madeira diz que prorrogação da concessão da SDM, por ajuste direto do governo regional, foi situação de “claro favorecimento”.

Madeira atribui apoio de 438 euros a taxistas e trabalhadores de micro e pequenas empresas

O Governo da Madeira vai atribuir um apoio de 438,81 euros a 1.900 taxistas e cerca de 7.300 trabalhadores de micro e pequenas empresas de restauração para atenuar o impacto da crise pandémica, indicou hoje o executivo.

Cerca de 40% dos alojamentos na Madeira tinham hóspedes em novembro

Entre janeiro e novembro de 2020, as dormidas em alojamento turístico na Madeira registaram um decréscimo de 66,1% comparativamente ao período homólogo, rondando os 2,6 milhões, enquanto os proveitos totais e de aposento apresentaram quebras de 68,2% e 68,3%.
Comentários