Investimento nos fundos “#MeToo” dispara 41%

A igualdade de género está cada vez mais no radar dos mercados. Num ano, o investimento que segue este tipo de estratégia disparou 41%.

A igualdade de género nas empresas é cada vez mais valorizada pelos investidores, com a proliferação de opções de investimento neste sentido. A mais recente é o novo Global Gender Equality exchanged exchange-traded fund (ETF) da UBS, que aposta no índice Global Gender Equality 100 Leaders da Equileap, que inclui títulos de uma centena de firmas em 23 países desenvolvidos.

“As empresas são escolhidas com base em 19 critérios de diversidade, incluindo compensação igual e equilíbrio entre vida profissional e pessoal, transparência e responsabilidade social, equilíbrio de género e políticas sustentáveis”, explicou fonte oficial da UBS ao Jornal Económico.

Artigo publicado na edição semanal do Jornal Económico. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

PSI20 fecha em alta, acompanhado ritmo europeu

O PSI20 fechou em alta, a valorizar 1,35%, com a maioria dos títulos cotados na bolsa nacional a negociarem no “verde”. Na Europa, os principais índices também tiveram um desempenho positivo.

Euronext mantém PSI 20 inalterado

A revisão da praça lisboeta de dezembro não teve alterações nos seus constituintes.

Wall Street em alta perante abrandamento da guerra comercial

O dado económico mais importante da sessão norte-americana é o da inflação: o IPC dos Estados Unidos manteve-se inalterado em novembro, depois de ter subido 0,3% no mês anterior em termos nominais. Em causa está a descida do preço dos combustíveis.
Comentários