J+Legal assessorou Transportes Paulo Duarte na aquisição das sociedades do grupo Hurtrans e da Hijos

A sociedade de advogados J+Legal assessorou juridicamente a Transportes Paulo Duarte nas operações cross border, concluídas na passada semana, de aquisição da totalidade do capital social das sociedades Tank Hurt e Cisternas Hurtrans (grupo Hurtrans), bem como na tomada de uma participação de controlo na sociedade Hijos de Román Bono Guarner”,

É a primeira transacção de M&A cross border da J+Legal, o novo escritório de advogados de Jorge Brito Pereira, Jaime Carvalho Esteves, José Diogo Horta Osório e Sofia Matos.

“A sociedade de advogados J+Legal assessorou juridicamente a Transportes Paulo Duarte nas operações cross border, concluídas na passada semana, de aquisição da totalidade do capital social das sociedades Tank Hurt e Cisternas Hurtrans (grupo Hurtrans), bem como na tomada de uma participação de controlo na sociedade Hijos de Román Bono Guarner”, diz a sociedade em comunicado. A Transportes Paulo Duarte é um dos líderes do sector do transporte de mercadorias em Portugal.

As três sociedades estão sediadas em Alicante, Espanha, e dedicam-se ao transporte rodoviário nacional e internacional de mercadorias. No cômputo global, a Tank Hurt, a Cisternas Hurtrans e a Hijos de Román Bono Guarner contam com cerca de 240 trabalhadores e ainda com uma frota de 290 cisternas, 23 camiões rígidos e 215 camiões-tratores.

“Participaram na transação as equipas de Societário e M&A e Tax, coordenadas, respetivamente, pelos sócios José Diogo Horta Osório e Jaime Carvalho Esteves, contando ainda com a intervenção dos associados sénior Lourenço Côrte-Real e Manuel da Gama Quaresma e ainda da advogada-estagiária Carolina Serrano Correia. As operações contaram ainda com a assessoria jurídica e fiscal da PricewaterhouseCoopers Tax & Legal de Espanha, enquanto local counsel”, segundo o comunicado.

“A J+Legal tem vindo a acompanhar a Transportes Paulo Duarte em diversas áreas e, em particular, no seu processo de expansão e internacionalização do seu negócio, através da aquisição das referidas sociedades”, refere a sociedade.

Recomendadas

“Sucessão da SRS Advogados será democrática e participativa”, assegura managing partner

Em entrevista ao programa “Falar Direito”, da plataforma multimédia JE TV, Pedro Rebelo de Sousa, managing partner da SRS Advogados, abordou o processo de sucessão na SRS Advogados, garantindo que o mesmo será feito de forma participativa.

14 Sports Law eleita melhor firma de direito desportivo na Península Ibérica

Empresa sediada no Porto representou, entre outros casos o Santos FC contra o FC Barcelona, na transferência do jogador Neymar Jr.

Paulo de Cunha e Sá: “Não queremos competir com a oferta formativa das universidades”

Constituída com uma entidade autónoma do escritório ibérico e com marca própria, esta academia garante que não chega para falar “legalês” dos juristas nem para competir com a oferta das universidades portuguesas e internacionais, garantiu o advogado Paulo de Sá e Cunha, sócio da Cuatrecasas Portugal no programa “Falar Direito”, da plataforma multimédia JE TV.
Comentários