PremiumLuís Montenegro tem o deputado do PSD Pedro Alves como diretor de campanha

Pedro Alves vai apoiar o ex-líder parlamentar social-democrata nas diretas de janeiro. Deputado diz que nunca escondeu “divergências estratégicas” com Rui Rio e defende um “PSD grande e coeso”.

O deputado Pedro Alves vai ser diretor da campanha do antigo líder parlamentar Luís Montenegro na corrida à liderança do PSD. O social-democrata, eleito a 6 de outubro pelo círculo eleitoral de Viseu, diz que sempre assumiu a divergência estratégica com o candidato e atual líder Rui Rio e que considera Montenegro o mais bem posicionado para liderar o PSD e construir uma alternativa ao PS.

O deputado nunca escondeu a simpatia por Luís Montenegro e, após as eleições legislativas de outubro, veio exigir “novos protagonistas” e uma “nova estratégia” para o PSD. Agora fica claro que vai apoiar o ex-líder parlamentar de Pedro Passos Coelho. Pedro Alves defende, numa publicação no Facebook, que é preciso “um PSD grande, coeso e como sempre ao serviço dos portugueses”.

“Demostrei sempre, com frontalidade e compromisso com o partido, a minha divergência estratégica [com Rui Rio]. Isso não me permite desdenhar do que fez, nem tampouco o facto de se recandidatar é motivo para fazer críticas até não sejam de natureza política”, escreve Pedro Alves. “Os atos ficam com quem os pratica. Fez o seu trabalho. Escolheu equipa e estratégia. Os resultados são os que sabemos”, sublinha.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

PremiumAuditoria deverá deixar de fora venda da Tranquilidade por 40 milhões de euros

Apesar de o perímetro da auditoria da Deloitte ainda não estar concluído, o Jornal Económico sabe que a venda de ativos estará fora do âmbito da análise.

PremiumEDP aproveita ventos favoráveis para acelerar nos EUA

No final de outubro, a EDP ganhou quatro contratos nos EUA. António Mexia diz ao JE que os recursos eólicos e solares e a forte procura dão “potencial gigante”. Japão é o próximo passo no offshore.

PremiumMaioria considera que Governo com “dimensão exagerada” vai durar quatro anos

António Costa continua a ser o líder com melhor avaliação e Rui Rio fica atrás de Catarina Martins. Entre os novos protagonistas do Parlamento é André Ventura quem mais se destaca e recandidatura de Marcelo Rebelo de Sousa é quase uma unanimidade.
Comentários