Madeira regista mais 43 casos positivos e 108 recuperados de covid-19

A Madeira tem 1446 casos ativos de coronavírus, 28 são importados e 1418 de transmissão local. Existem 322 situações em estudo pelas autoridades de saúde.

José Coelho/Lusa

A Madeira registou mais 43 casos positivos, elevando total para 6904, a que se juntam mais 108 recuperados, que passam a totalizar 5395. Casos ativos passaram de 1511 para 1446, indicam os dados da Direção Regional de Saúde (DGS).

Dos novos casos todos são de transmissão local, “na sua maioria já associados a contactos de casos positivos. Investigações epidemiológicas estão em curso”, diz a DGS.

Dos casos ativos, 28 são importados e 1418 são de transmissão local. 26 pessoas estão em isolamento em unidade hoteleira, 1368 estão no alojamento, e 52 encontram-se hospitalizadas no Hospital Dr. Nélio Mendonça (48 pessoas em Unidades Polivalentes e quatro na Unidade de Cuidados Intensivos dedicada à COVID-19).

Existem 322 situações em estudo pelas autoridades de saúde, “estando estas relacionadas com viajantes identificados no aeroporto, contactos com casos positivos ou outras situações reportadas à linha SRS24 ou ao SESARAM, EPERAM. Investigações epidemiológicas estão em curso”, diz a DGS.

Em vigilância ativa devido a contactos com casos positivos estão 1586 pessoas a que se juntam mais 3804 pessoas que estão a ser acompanhadas pelas autoridades, com recurso à aplicação MadeiraSafe.

A operação de rastreio de viajantes nos portos e aeroportos da região já realizou 161940 testes ao coronavírus, e o laboratório de Patologia Clínica do SESARAM, EPERAM já processou 299082 testes à covid-19.

A Linha SRS24 (800 24 24 20) já recebeu 39443 chamadas e a Linha de Apoio Psicológico da Direção Regional da Saúde (291 212 399) já realizou 2937 atendimentos.

Ler mais
Recomendadas

Madeira quer estar incluída no Banco de Fomento até final do mês

O vice-presidente do executivo madeirense considerou que “se há uma ajuda comunitária à constituição de um banco de fomento para servir a nível nacional, não faz qualquer sentido as regiões não estarem lá representadas”.

Madeira: CDS-PP espera que nova Lei das Finanças Regionais esteja em vigor no primeiro semestre de 2022

o PSD e o CDS-PP já apresentaram as suas propostas para uma nova Lei das Finanças Regionais. Entre elas a integração de um Fundo de Coesão Social, que compense os custos acrescidos das regiões autónomas na Educação e Saúde, e alterações na fiscalidade, que prevê que as taxas de IRS e IRC variem consoante as necessidades.

Saiba o que pode fazer para poupar água

Equipe as torneiras da sua casa com redutores e reduza o seu caudal em cerca de 50%.
Comentários