Não sabe como depositar dinheiro no multibanco? Veja este passo a passo

Imagine, por exemplo, que chegou ao fim de semana e se apercebe de que se esqueceu ou não teve tempo para ir ao balcão do banco fazer um depósito em dinheiro. Porém, existe uma solução. Descubra, neste artigo, como depositar dinheiro no Multibanco.

Cristina Bernardo

Depositar dinheiro no Multibanco, para além de ser um processo simples, é gratuito. No entanto, tenha um facto em atenção: só é possível depositar dinheiro no multibanco se o banco de apoio da caixa Multibanco for o mesmo do emissor do seu cartão. Isto significa que só conseguirá efetuar esta operação se o ATM em questão for do seu banco.

Note que se efetuar um depósito em numerário numa caixa multibanco, num dia útil, o montante depositado ficará disponível no próprio dia (portanto, trata-se de um crédito imediato na sua conta). Porém, se for ao fim de semana (seja sábado ou domingo), o dinheiro só entrará na sua conta à ordem na segunda-feira.

Para além de numerário, esta solução das caixas multibanco também permite depositar cheques.

 Passo a Passo: como depositar dinheiro no Multibanco?

Este processo é bastante fácil, bastando seguir estas sete indicações:

  1. Digite o PIN do seu cartão;
  2. Selecione a opção “Entregas e Depósitos”;
  3. Escolha uma de duas possíveis opções: “Depósito de Notas na Própria Conta” ou “Depósitos de Notas noutra Conta”;
  4. Depois de selecionar a opção que pretende, aparecerá uma informação no ecrã com a seguinte frase: “A concretização dos depósitos realizados após as 15h00 de cada dia útil será efetuada até ao final do dia útil seguinte”. Ao deparar-se com esta frase, se desejar prosseguir terá de carregar em “Continuar”;
  5. Introduza as notas que deseja depositar na ranhura da caixa multibanco que possui a indicação “Introduzir Notas e Cheques” e que ficará iluminada a verde neste momento (para que o consumidor identifique facilmente);
  6. A partir do momento em que inserir o dinheiro, a caixa multibanco contará automaticamente as notas e o valor que as mesmas possuem;
  7. Carregue em “Continuar” e obterá um talão comprovativo.

Depositar dinheiro no Multibanco, para além de simples, pode ser muito cómodo, especialmente quando não se tem disponibilidade para se ir diretamente ao balcão do banco.

Relacionadas

Há novas regras nas comissões bancárias. Veja quais

A partir do momento em que tem uma conta à ordem está sujeito a comissões bancárias. Descubra aqui todos os custos associados e como pode poupar.

IBAN e NIB: afinal, quais as diferenças?

Em fevereiro de 2016, o NIB foi substituído pelo IBAN para as operações de transferência a crédito e débitos diretos. Descubra quais as implicações.

Vai pedir crédito? Veja quais são os documentos exigidos

Descubra qual a documentação que tem de apresentar para obter um empréstimo habitação, automóvel ou pessoal.

Cashback: veja 10 cartões que lhe devolvem parte das suas compras

Há uma característica de alguns cartões que apela a uma boa gestão da conta bancária e que até permite aumentar o valor das poupanças: o cashback. Quando bem gerida, pode ser excelente vantagem para quem usa este meio de pagamento regularmente. Conheça os 10 melhores cartões de crédito com cashback do mercado.

Compras online retidas na alfândega? Saiba como tratar

Fez uma compra online que vem de fora da União Europeia e ficou presa na alfândega? Para além das burocracias, pode sujeitar-se a custos acrescidos para efetuar o seu desalfandegamento. Neste artigo explicamos-lhe quais os motivos pelos quais estas encomendas ficam retidas e ainda como proceder ao seu desalfandegamento.

Clonagem de cartões: descubra se lhe aconteceu e o que fazer

Especialmente nas férias passadas no estrangeiro, existe tendência para se pagar mais vezes com o cartão e levantar dinheiro em caixas Multibanco que não conhecemos. Adote certos cuidados para evitar ficar com o cartão clonado.
Recomendadas

Como são financiadas as nossas reformas? Veja o “Economize”, programa de finanças pessoais

Acompanhe o “Economize” na plataforma multimédia JE TV, através do site e das redes sociais do Jornal Económico.

Como são financiadas as nossas reformas? Esta sexta-feira há “Economize”, programa de finanças pessoais

Acompanhe o “Economize” na plataforma multimédia JE TV, através do site e das redes sociais do Jornal Económico.

Saiba quem é pode beneficiar do pagamento repartido de dívidas à Segurança Social

Entrou em vigor a 8 de abril um regime excecional de pagamento faseado de dívidas de contribuições à segurança social que não se encontrem em fase de processo executivo.
Comentários