Nobel da Física Gérard Mourou esta semana em Portugal

O físico realiza duas conferências em Lisboa e uma terceira no Porto sobre o sistema de laser que inventou e lhe valeu o prémio da Academia Sueca.

O físico francês Gérard Mourou, um dos laureados do Prémio Nobel da Física 2018, está esta semana em Portugal a convite do Instituto Superior Técnico, em parceria com o Institut Français du Portugal, a École Polytechnique e o Pavilhão do Conhecimento-Ciência Viva.

O físico propõe-nos uma viagem pelo novo sistema de laser que inventou e as interações entre laser e matéria, com início esta terça-feira, 23 de abril, no Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa. A palestra pública intitulada “Passion Extreme Light” / “Paixão Extrema, Luz Extrema”  dará lugar a uma conferência para alunos do Instituto Superior Técnico, em Lisboa, na quarta-feira e a uma outra na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, na sexta-feira, 26 de abril.

Gérard Mourou recebeu o Nobel pelo seu trabalho sobre impulsos de laser muito curtos e intensos, com aplicações em cirurgias laser nos olhos, partilhando o prémio com Arthur Ashkin e Donna Strickland.

O seu palmarés inclui numerosos prémios, dos quais destacamos o Berthold Leibinger Zukunftspreis em 2016, o R. W. Wood (1995), o Willis E. Lamb (2005) e o prémio Charles Hard Townes em 2009. Em 2016 foi agraciado com a medalha Frederic Ives do Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrónicos (IEEE).

Gérard Mourou é membro da Academia Nacional de Engenharia dos Estados Unidos.

Recomendadas

Isabel dos Santos: “Em nenhuma parte destes documentos foi demonstrado qualquer comportamento ilegal da minha parte”

Isabel dos Santos enviou um comunicado às redações acusando o Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação (ICIJ) de não ter provas contra ela e voltou a afirmar que esta campanha “é puramente política”.

Portugal continua de “braços abertos” e “olhos fechados”, diz ONG sobre “Luanda Leaks”

“Ao longo dos anos mais recentes, vários países e empresas, nomeadamente bancos e algumas consultoras internacionais, começaram, embora tardiamente, a cortar laços com Isabel dos Santos por causa do avolumar de suspeitas, mas em Portugal isso não aconteceu”, disse João Paulo Batalha da ONG Transparência e Integridade.

“Blue Monday”. Será o dia mais triste do ano um esquema de marketing?

A “Blue Monday” é o dia mais triste do ano e comemora-se na terceira segunda-feira de janeiro. O fim da época natalícia, o tempo frio que se faz sentir e todo um novo ano que está pela frente são alguns dos fatores que fazem deste o dia mais triste do ano. A acreditar nos especialistas de marketing, claro.
Comentários