Nota de zero euros (sim, leu bem) faz furor na Alemanha

Não têm valor comercial e podem ser adquiridas por 2,50 euros no estado alemão de Schleswig-Holstein. Venha conhecer a nota que está a fazer furor na Alemanha.

O Banco Central Europeu autorizou esta semana a emissão de notas de zero euros para coleccionistas e turistas do estado alemão de Schleswig-Holstein, por proposta do grémio turístico de Kiel, a capital do estado.

As notas podem ser adquiridas por um valor de 2,50 euros e têm as características da divisa corrente, já que foram impressas em papel moeda e apresentam todas as medidas de segurança das notas de euro que todos usamos, como os relevos ou as marcas de água.

Quanto ao design, num dos lados surge um dos símbolos mais representativos de Kiel, o navio alemão Gorch Fock II, que se encontra na cidade, enquanto que na outra face, foram combinadas imagens dos monumentos mais representativos da União Europeia, como a Sagrada Família de Barcelona, o Coliseu de Roma ou a Torre Eiffel de Paris.

A iniciativa teve tanto êxito que as 5 mil notas emitidas na primeira remessa esgotaram em apenas 24 horas. No entanto, os responsáveis pela iniciativa já anunciaram uma segunda edição que será colocada à venda dentro de cinco semanas.

Recomendadas

Contribuintes que ganham mais de mil euros continuam a reter IRS a mais, diz a PwC

A atualização das tabelas de retenção para 2019 continua a não refletir integralmente o alargamento dos escalões do IRS de 2018 para a generalidade dos trabalhadores e pensionistas com rendimento a partir de mil euros, segundo os cálculos da PwC.

FMI indica três passos para evitar uma crise de dívida pública

O artigo publicado hoje no IMFBlog, o Fundo Monetário Internacional (FMI) afirma que “a sustentabilidade da dívida de alguns países de alto risco tem sido objeto de muito debate público”, mas, no entanto, “o peso da dívida pública é um problema crescente em todo o mundo”.

Luís Pedro Martins eleito para mandato de 5 anos na Turismo Porto e Norte de Portugal

De acordo com os atuais estatutos da TPNP, o mandato da comissão executiva tem a duração de cinco anos e só pode ser renovado uma vez.
Comentários