OE2022: PAN envia memorando “ambicioso” de entendimento e aguarda resposta do Governo

Partido de Inês de Sousa Real entregou lista com mais de 50 medidas a Governo. Decisão final do partido sobre sentido de voto do OE2022, só deverá ser tomada na comissão política do partido, a realizar durante o fim-de-semana.

Inês de Sousa Real
Inês Sousa Real

A porta-voz do Partido dos Animais e da Natureza (PAN) voltou a reiterar que o partido só irá ponderar uma viabilização do Orçamento do Estado 2022 se o Governo aprovar as propostas sugeridas, anunciado que o partido enviou esta manhã um memorando de entendimento ao Governo, com mais de 50 propostas no âmbito do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). Será condição para o partido um acordo escrito com o Executivo para viabilizar o documento, tal como Inês de Sousa Real alertou há dois dias, após a reunião com o primeiro-ministro.

“Sabemos que é um memorando ambicioso, um que pretende dar uma resposta robustecida”, disse, Inês Sousa Real, esta sexta-feira, em conferência de imprensa na Assembleia da República referindo, a título de exemplo, propostas a nível da estratégia nacional para a mobilidade ativa e a valorização dos técnicos auxiliares de saúde. “Entre outras medidas que para nós são fundamentais”, frisou.

“Só depois de termos este retorno no Governo é que poderemos verificar qual de facto o balanço e se o Governo está disponível ou não para um compromisso de investimento, porque nada nos servirá que haja uma viabilização de 50 medidas se elas se traduzirem em medidas mas meramente programáticas e não numa verdadeira execução, investimento e calendarização das mesmas”, atirou em declarações aos jornalistas.

Assim, a decisão final do partido só deverá ser tomada na comissão política do partido, a realizar durante o fim-de-semana, adiantou a porta-voz do PAN.

A votação na generalidade do OE 2022 está agendada para a próxima quarta-feira, estando previstas para este fim de semana reuniões com o Governo e reuniões internas dos partidos que serão decisivas, numa altura em que a esquerda ameaça chumbar o Orçamento.

Relacionadas

Governo recusa propostas do acordo entregue pelo Bloco de Esquerda (com áudio)

Após o ‘briefing’ do Conselho de Ministros, o partido de esquerda mostrou o seu desagrado para com as medidas anunciadas, apontando que o governo não se deixou aproximar e que as medidas ficaram aquém das expectativas.

Marcelo volta a rejeitar crise política em caso de chumbo do Orçamento do Estado (com áudio)

O agravamento da pandemia, o aumento dos preços da energia e uma recuperação lenta da economia são alguns dos desafios que assombram Portugal, a Europa e o mundo, relembra o Presidente da República.

Carlos César pressiona PCP e BE: “Sentem-se melhor a fazer oposição ou a fazer acordos?”

O presidente socialista entrou hoje em jogo para pressionar os bloquistas e comunistas nas negociações para a viabilização do OE2022, defendendo a posição do PS de não ceder nos seus princípios.
Recomendadas

Farmácias fazem “tudo o que é humanamente possível” face à procura de testes

Segundo disse Ema Paulino à Lusa, na terça-feira as farmácias portuguesas realizaram 47.500 testes de antigénio, quando na sexta-feira anterior foram feitos cerca de 30.500 despistes do coronavírus.

Já foram multados 152 passageiros e 10 companhias nas fronteiras aéreas por falta de teste

Os dados do MAI avançam também que pelo menos 10 companhias aéreas foram multadas por terem transportado passageiros sem teste negativo à covid-19 ou certificado de recuperação, condições obrigatórias desde quarta-feira para entrar em Portugal continental através das fronteiras aéreas.

Câmara de Lisboa diz que ministra da Saúde tem de “pôr ordem” na vacinação

“A ministra tem de pôr a casa em ordem, tem de pôr os serviços de saúde em ordem e a funcionarem bem, coisa que não está a acontecer”, disse Ângelo Pereira, à margem de uma iniciativa a propósito do Dia Internacional de Pessoa com Deficiência.
Comentários