Orey adia contas de 2019 e do semestre para 30 de abril de 2021 por causa do PER

A Orey Antunes vai apresentar em simultâneo as contas de 2019 e do primeiro semestre de 2020, mas só em abril de 2021. Tudo por causa do PER, cuja homologação está a aguardar o trânsito em julgado.

A Sociedade Comercial Orey Antunes volta a anunciar o adiamento da apresentação de contas referentes ao exercício de 2019 e agora adia também as contas do primeiro semestre do exercício de 2020.

Para ambas, a Orey Antunes prevê proceder a divulgação até 30 de abril de 2021.

“Na sequência dos comunicados de 16 de setembro e 2 de outubro do corrente ano”, a administração da sociedade explica que “estando a aguardar o trânsito em julgado relativamente à homologação do Processo Especial de Revitalização (PER) a que a SCOA se encontra submetida e tendo a conclusão deste processo impacto nas contas da Sociedade e nos trabalhos de auditoria relativos ao exercício de 2019, não será possível concluir a elaboração dos documentos de prestação de contas do referido exercício dentro do prazo previsto no mencionado comunicado”.

A empresa conclui que “neste contexto, tendo em conta que poderá ainda decorrer algum tempo até que este processo seja concluído e uma vez que o ano em curso está a terminar, sendo que os efeitos dos eventos subsequentes no encerramento das contas de 2019 são os mesmos que impactam as contas de 2020, a SCOA decidiu encerrar as contas de ambos os exercícios em simultâneo”.

Recomendadas

Governo já pagou 268 milhões de euros às empresas através do programa Apoiar.pt

“Temos, no acumulado da primeira e da segunda tranche, cerca de 268 milhões de euros pagos”, afirmou João Neves.

Supremo confirma prisão do antigo presidente do Banco Privado

A pena de prisão efetiva de João Rendeiro só se vai concretizar após trânsito em julgado. O antigo presidente do Banco Privado Português (BPP) foi condenado a cinco anos e oito meses de prisão por vários crimes de falsidade informática e falsificação de documentos.

‘Intelligent edge’ é a próxima revolução no mundo dos negócios

Ao trazer poderosos recursos de computação para mais perto de onde os dados são originados e precisam de ser consumidos, este salto tecnológico liberta todo o potencial para acelerar a 4ª Revolução Industrial.
Comentários