Planos não faltam para recuperar Notre Dame: Da piscina no topo ao telhado todo em vidro

Exatamente um mês depois do incêndio que devastou grande parte da histórica Catedral Notre Dame, alguns arquitetos decidiram divulgar as suas próprias visões sobre como a catedral deverá renascer das chamas.

Relacionadas
Julien de Rosa / EPA

Catedral de Notre Dame: da construção que durou 182 anos ao incêndio que devastou património da UNESCO

A Catedral de Notre Dame com mais de oito séculos de existência sofreu um incêndio de grandes dimensões na segunda-feira. As chamas consumiram dois terços do teto do templo e o pináculo acabou por ceder. A catedral quase 200 anos a ser construída.
Ian Langsdon / EPA

Catedral de Notre-Dame não tem seguro para cobrir destruição provocada pelo incêndio

Especialistas acusam Estado francês de negligência na manutenção do edifício. Quase nenhum dos monumentos franceses está coberto pelo seguro.
Ian Langsdon / EPA

Notre-Dame: Fogo destruiu em nove horas catedral com mais de 850 anos de história

A catedral conta com 856 anos de existência e demorou 182 anos a ser construída. É um dos principais monumentos de Paris e recebe cerca de 13 milhões de visitantes todos os anos.
Julien de Rosa / EPA

Quem são as duas famílias francesas que vão doar 300 milhões para reconstruir Notre-Dame?

Catedral com quase nove séculos de história é um dos símbolos da capital francesa. O pináculo colapsou e a nave central ardeu, mas o altar, as relíquias e a vontade dos parisienses mantêm-se vivas. Depois da tragédia, os franceses declararam-se prontos para a reconstrução do templo. 856 anos depois da sua edificação , Notre-Dame terá de se reerguer das cinzas.
Recomendadas

Acionistas da Mota-Engil aprovam todos os pontos da AG

A análise do relatório e contas de 2018, a proposta de aplicação de resultados e o relatório sobre as práticas de governo societário, por exemplo, tiveram ‘luz verde’ por unanimidade.

INE: Custo médio com trabalhadores no público sobe 3,5% devido ao descongelamento de carreiras

O custo médio por trabalhador no setor público pode ser “explicado pelo pagamento faseado do descongelamento de carreiras”, segundo o INE.

Esta é a “cidade da água” que vai nascer na antiga Lisnave em Almada

O concurso para o projeto “Cidade da Água” foi apresentado esta terça-feira, pelos responsáveis da empresa Baía do Tejo, no mesmo lugar onde a nova cidade vai nascer nas margens do rio que une Lisboa e a margem sul do Tejo.
Comentários