Porto recebe mais de 500 especialistas mundiais em informática

Portugal foi o país escolhido para receber aquela que é a terceira edição do “Congresso Mundial dos Métodos Formais”, que se realiza esta segunda-feira, dia 7 de outubro, às 18h00.

Portugal foi o país escolhido para receber aquela que é a terceira edição do “Congresso Mundial dos Métodos Formais”. O Porto é a cidade que vai acolher durante cinco dias mais de 500 especialistas na área da informática de 40 nacionalidades diferentes. O congresso tem início esta segunda-feira, dia 7 de outubro, às 18h00.

José Nuno Oliveira, presidente do comité organizador e investigador do INESC TEC, explica que os métodos formais “são técnicas de programação que atingem elevados níveis de qualidade e fiabilidade através do recurso ao tratamento matemático dos problemas que podem ser abordados por software”.

“Todos os sistemas militares, de segurança, de energia, de saúde, de ensino, os back offices e sistemas operacionais das empresas dependem de software sofisticado que se desenvolve continuamente para que possam operar e servir-nos. Em problemas de segurança crítica, os erros de programação podem ter consequências devastadoras. É aqui que os métodos formais se tornam ferramentas muito importantes” – José Nuno Oliveira

Vão decorrer mais de 30 sessões em simultâneo durante os dias do congresso em três locais da cidade do Porto – edifício da Alfândega, Museu World of Discoveries e Hotel Vincci – divididas entre nove conferências, 16 workshops, sete  tutoriais e outros eventos, tais como o dia da Indústria e o simpósio doutoral.

Serão vários os oradores convidados de renome, com destaque para a sessão do dia 8 de outubro, às 09h00, no edifício da Alfândega do Porto, em que o investigador britânico Tony Hoare dará uma palestra a convite de várias das conferências associadas ao congresso. Da parte da indústria tecnológica é de destacar a presença de instituições de renome, tais como Apple, Airbus, Booking.com, ESA, Fraunhofer, Microsoft, MathWorks, NASA, Samsung, VERIMAG, entre outras.

PCGuia
Ler mais
Recomendadas

PremiumRedes Sociais: Censura e autorregulação

A decisão de suspender ou banir Donald Trump das redes sociais trouxe uma nova realidade que está longe de ser consensual. Muitos governantes e académicos lembram que a liberdade de expressão é um direito, mas a estreita linha que separa o discurso de ódio e a desinformação, e o poder das ‘grandes tecnológicas’, geram novos desafios à democracia.

Whatsapp decide adiar atualização da política de privacidade que permitirá partilha dados com o Facebook

“Daremos mais tempo para que todas as pessoas possam rever a nossa política antes de 15 de maio de 2021, data em que as novas opções comerciais ficarão disponíveis”, informou o Whatsapp.

Conta do FC Barcelona no TikTok ajudou clube a aproximar-se dos fãs

Pelo sexto ano consecutivo, o clube catalão lidera em ‘gostos’, comentários e partilhas.
Comentários