Portugal com mais 306 casos de Covid-19 e sete mortes

Boletim da DGS dá esta segunda-feira conta de mais 604 pessoas recuperadas da doença causada pelo vírus SARS-CoV-2.

Desde o início da pandemia, Portugal regista 1.062.320 casos confirmados de Covid-19. Só nas últimas 24 horas houve mais 306 infeções e sete mortes associadas à doença, perfazendo um total de 17.914 óbitos no país, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado esta segunda-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS).

À semelhança do que tem vindo a acontecer, a maioria das novas infeções foram registadas nas regiões de Lisboa e Vale do Tejo e Norte (116 e 82, respetivamente), elevando o total de casos de Covid-19 desde o início da pandemia, nestas zonas do país, para 411.053 e 408.074, pela mesma ordem. Segue-se o Algarve, com 44 novos casos, o Centro (25) e só depois o Alentejo (24). A Região Autónoma dos Açores teve mais oito diagnósticos e a da Madeira mais sete.

Em relação à pressão sobre os hospitais, segundo as autoridades de saúde, existem atualmente 471 pessoas internadas (mais 16), das quais 82 estão em Unidades de Cuidados Intensivos (menos quatro).

O número de recuperados da doença subiu para 1.010.772, depois de mais 604 utentes terem alta. Já os contactos em vigilância caíram para 30.069, menos 369 do que no domingo, tal como os casos ativos de Covid-19, que desceram para 33.634 (menos 339).

O nível de incidência do vírus no território nacional situa-se nos 149,1 casos por 100 mil habitantes. No continente, a incidência é de 152,4. Por sua vez, o risco de transmissibilidade (Rt) fixa-se nos 0,82 a nível nacional e 0,81 em Portugal continental.

Notícia atualizada

Recomendadas

OE2022: Costa salienta que em caso algum o seu Governo colocará em risco contas públicas (com áudio)

O secretário-geral do PS considerou hoje que o objetivo das contas certas no Orçamento é “um bem inestimável” e salientou que em circunstância alguma o Governo aceitará colocar em risco a credibilidade externa da economia portuguesa.

Fesap exige respostas do Governo sob pena de avançar com formas de luta

A decisão foi tomada pela comissão permanente da FESAP, que considerou que o Governo tem de responder aos problemas dos trabalhadores da administração, porque a proposta de Orçamento do Estado para 2022 não o faz.

Região Norte lidera na vacinação contra a Covid-19 com 88% da população inoculada

Portugal caminha para os 8,9 milhões de cidadãos totalmente vacinados contra o vírus SARS-CoV-2, de acordo com o relatório semanal da Direção-Geral da Saúde.
Comentários