Portugal está no Top 6 dos países com pior poder de compra da zona euro

Os dados divulgados esta quinta-feira pelo Eurostat mostram que o poder de compra de Portugal, quando comparado com a média dos outros países de moeda única, é um dos mais baixos, estando entre o do Chipre (abaixo) e o da Eslováquia (acima). Ainda assim, em 2016 subiu para 77,3% em relação à media da União Europeia.

Os dados divulgados esta quinta-feira de manhã pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) mostram que o poder de compra de Portugal, quando comparado com a média dos outros países de moeda única, é um dos mais baixos, estando entre o do Chipre (abaixo) e o da Eslováquia (acima).

Ainda assim, em 2016 subiu para 77,3% em relação à media da União Europeia, segundo os mais recentes dados do INE. No ano passado, o Produto Interno Bruto (PIB) per capita expresso em Paridades de Poder de Compra (PPC), a fórmula que calcula o poder de compra entre vários países, situou-se em 77,3% da média da União Europeia, o que corresponde a um valor ligeiramente superior ao observado em 2015 (76,8%).

“Entre os 19 estados membros que integram a zona euro, Portugal ocupava em 2016 a 14ª posição, abaixo do Chipre (82,6) e à frente da Eslováquia, Lituânia, Estónia, Grécia e Letónia. Em termos nominais, o PIB per capita de Portugal em 2016 apresentou um crescimento positivo (3,3%), determinado pelo aumento nominal do PIB (3,0%) e pela diminuição da população (-0,3%)”, refere o relatório do organismo de estatística nacional.

Quanto à Despesa de Consumo Individual per capita, o INE considera que “o posicionamento relativo de Portugal é idêntico à indicada pelo PIB per capita no conjunto dos países considerados”, uma vez que também ocupa a 14ª posição entre os países da zona euro.

Ranking 

  • Portugal – 14º
  • Eslováquia – 15 º
  • Lituânia – 16º
  • Estónia – 17º 
  • Grécia – 18º
  • Letónia – 19º

Índices de volume per capita: PIB e Despesa Consumo Individual 2016 (UE28=100)

Fonte: Eurostat

Ler mais
Recomendadas

Trump promete não construir torre se comprar a Gronelândia

“Prometo não fazer isto na Gronelândia”, afirma Trump no Twitter. A publicação do presidente sobre a compra da ilha dinamarquesa pode querer significar que Donald Trump quer avançar com a oferta irrealista. O Governo de Copenhaga já deixou bem claro que a Gronelândia não está à venda e que a ideia é “absurda”.

Produção no setor da construção cresce mais em Portugal do que na UE em junho

Em junho deste ano em comparação com o mês homólogo do ano passado, a produção média no setor da construção subiu 1% na zona euro e 0,6% na UE. Em Portugal, a subida foi maior, de 1,4%.

Continente e Madeira em risco muito elevado de exposição aos raios UV

Dezassete distritos de Portugal continental e o arquipélago da Madeira apresentam hoje um risco muito elevado de exposição à radiação ultravioleta (UV), segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).
Comentários