“Portugal quer ser um dos motores do carro elétrico na Europa”, destaca imprensa espanhola

Os recursos portugueses poderão fazer do país um alvo estratégico para o setor, enquanto em Espanha, os investimentos pela procura de lítio em Cáceres estão paralisados. Imprensa espanhola assinala o contraste entre os dois países.

“Portugal quer ser um dos motores do carro elétrico na Europa, com as suas reservas de lítio”. É assim que o El Economista coloca a questão das ambições portuguesas em relação à exploração de lítio. O jornal espanhol explica que Portugal planeia lançar licenças de prospeção ainda este ano porque o  Governo de Lisboa quer aproveitar a febre de lítio para uso em baterias de veículos elétricos e tornar-se um dos grandes produtores do Velho Continente e do mundo.

Portugal tem reservas totais de 60 mil toneladas métricas, em comparação com um total global de 16 milhões, de acordo com um relatório do United States Geological Survey. No entanto, o secretário de Estado da Energia, Jorge Seguro Sanches assegura que o país está entre os 10 primeiros países do mundo, em termos de reservas.

Segundo o jornal espanhol, com tais recursos, Portugal poderá mesmo tornar-se um país estratégico para o setor, enquanto em Espanha, os investimentos pela procura de lítio em Cáceres estão paralisados.

Acrescenta que o Governo português pretende atrair mais investimentos não só no sentido de explorar as reservas de lítio existentes, mas também que estudem o desenvolvimento de projetos industriais, como centros de montagem ou produção de unidades de baterias. Esta semana, o secretário de Estado irá apresentar a estratégia do país durante a convenção da Prospectors & Developers Association of Canada, em Toronto.

Relacionadas

Portugal quer atrair investimento em lítio como energia renovável na produção de baterias

O secretário de Estado da Indústria, Jorge Seguro Sanches, está em Toronto, onde hoje vai participar na Cimeira de Ministros Internacionais de Minas, que reúne mais de 3.800 investidores presentes em 130 países.
Recomendadas

Leia aqui o Jornal Económico desta semana

Leia todas as edições do Jornal Económico, na plataforma JE Leitor. Aproveite as nossas ofertas para assinar o Jornal Económico. Apoie o jornalismo independente.

Governo anuncia linha de crédito de 50 milhões para microempresas de gestão de eventos

Os 50 milhões de euros foram anunciados pelo ministro da Economia no Parlamento, num exemplo de uma das áreas que, não sendo óbvia, enfrenta enormes dificuldades por orbitar em torno de um setor muito condicionado pela pandemia, o turismo. 20% dos 50 milhões de euros desta linha poderá passar a fundo perdido caso empresas mantenham o emprego no próximo ano.

Fórum para a Competitividade prevê queda do PIB até 12% este ano

Para o próximo ano, a entidade liderada por Pedro Ferraz da Costa antevê uma recuperação do PIB entre 5% e 6%.
Comentários