Portugal tem dois jogadores nos dez mais valiosos do mundo e juntos valem 282 milhões

Lista do Observatório do Futebol (CIES) coloca ainda dentro dos 20 primeiros os portugueses do Manchester City, Rúben Dias, como o central mais valioso do mercado com 114,4 milhões de euros e Bernardo Silva avaliado em 104,2 milhões de euros.

Portugal conta com dois jogadores na lista dos dez mais valiosos do futebol europeu. A lista do Observatório do Futebol (CIES) que conta com 100 jogadores e que foi divulgada esta segunda-feira, 7 de junho, coloca Bruno Fernandes do Manchester United e João Félix do Atlético Madrid na quinta e nona posição, respetivamente, sendo que a sua avaliação conjunta atinge os 282,1 milhões de euros.

Dentro do top-20 cabem ainda os portugueses do Manchester City, Rúben Dias (16º lugar), como o central mais valioso do mercado com 114,4 milhões de euros e o médio Bernardo Silva (19ª posição) avaliado em 104,2 milhões de euros. Nota para o facto de nesta lista dos 100 mais valiosos constarem outros cinco portugueses, sendo que Cristiano Ronaldo e Leonel Messi são os principais ausentes.

Pedro Neto, do Wolverhampton surge na 31ª posição com 85,5 milhões de euros, Diogo Jota, do Liverpool no 56º lugar avaliado em 66,5 milhões de euros, Francisco Trincão, do FC Barcelona na 67ª posição com 62,2 milhões de euros, João Cancelo do Manchester City no 68º posto com um valor de 62 milhões de euros e Rafael Leão, do AC Milan na 86ª posição avaliado em 54,4 milhões de euros.

Recomendadas

Euro2020: Suíços e galeses procuram seguir pisadas italianas

Vitória transalpina obriga as duas seleções a ter de ganhar para marcarem desde já posição no Grupo A. Plantel helvético vale mais 107 milhões que o País de Gales. Seferovic e Gareth Bale serão duas setas apontadas às balizas.

“Euro em Milhões”. Bale contra Seferovic num duelo de equilíbrios

Galeses e helvéticos estreiam-se este sábado no Olímpico de Baku, no Azerbaijão, num duelo marcado pelo equilíbrio. Suíços são mais valiosos mas do outro lado, Gareth Bale pode fazer essa diferença.

Covid-19: Organização dos Jogos Olímpicos estima cerca de sete casos diários no evento

A estimativa assume um cenário que envolve cerca de 77.000 pessoas, incluindo atletas e outro pessoal, mas não inclui a administração de vacinas a eles, pelo que os números reais podem ser inferiores.
Comentários