Presidente da Assembleia da Madeira insiste em apoio europeu urgente a empresas e sociedade

O presidente da Assembleia da Madeira alertou para as consequências provocadas pela pandemia, nas áreas da saúde, económicas, e sociais , reforçando que as pessoas “estão a passar grandes privações, é preciso que a ‘bazuca financeira’ seja disparada rapidamente”.

O presidente da Assembleia Legislativa da Madeira, José Manuel Rodrigues, voltou a insistir na importância de disponibilizar urgentemente apoios europeus para as empresas e para a sociedade. O apelo foi feito durante a Assembleia plenária da Conferência das Assembleias Legislativas Regionais Europeias (CALRE), que decorreu no formato de videoconferência, a partir do Parlamento de Canárias, em Santa Cruz de Tenerife, na semana passada.

José Manuel Rodrigues alertou para as consequências provocadas pela pandemia, nas áreas da saúde, económicas, e sociais , reforçando que as pessoas “estão a passar grandes privações, é preciso que a ‘bazuca financeira’ seja disparada rapidamente”.

A reunião serviu ainda para prolongar o mandato de Canárias na presidência da CALRE. Foi decidido ainda que vão existir duas vice-presidências que serão assumidas pelos Açores e pela região italiana de Friuli Venezia Giulia.

Nesta reunião da CALRE estiveram presentes os presidentes de 30 parlamentos e assembleias legislativas, onde se incluiu Itália, Áustria, Finlândia, Alemanha, Bélgica, Portugal e Espanha, a que se juntaram mais 40 representantes das diferentes delegações que compareceram nesta sessão online.

A próxima Assembleia Plenária da CALRE está marcada para 18 e 19 de novembro, presencialmente, caso as condições sanitárias o permitam.

Recomendadas

Da CMVM à SDM: saiba quais as entidades que vão ser ouvidas sobre a Zona Franca

A Comissão de Orçamento e Finanças aprovou também a pronúncia da associação Transparência e Integridade e o Governo da Madeira.

Assembleia da Madeira dá 15 dias a parceiros sociais para se pronunciarem sobre descongelamento das carreiras de técnicos de diagnóstico e terapêutica

A comissão de Saúde e Assuntos Sociais aprovou ainda a subida a plenário de um Projeto de Resolução, do PCP, sobre a promoção da saúde mental em contexto covid-19, e aprovou a redação final da resolução sobre a inclusão das Novas Substâncias Psicoativas na Lei de Combate à Droga.

Presidente da SDM confirma que desde janeiro não se podem registar novas empresas na Zona Franca

O presidente da SDM, confirmou o que tinha sido avançado pelo Jornal Económico/Económico Madeira, tendo aproveitado para criticar o Governo da República por “não ter feito o trabalho de casa”, e acusou o executivo nacional de ter apresentado um Estatuto dos Benefícios Fiscais que poderia ter dado uma “machada final” na Zona Franca.
Comentários