Presidente vai à Madeira para comemorações da descoberta da ilha

O presidente do executivo madeirense, o social-democrata Miguel Albuquerque reuniu-se esta tarde, no Palácio de Belém, com o Chefe de Estado e “esta foi uma das decisões que saiu do encontro”, adianta a nota emitida pela presidência do Governo Regional da Madeira.

marcelo_rebelo_sousa_legislativas

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vai deslocar-se à Madeira em 27 de março de 2020 para participar nas comemorações da descoberta das ilhas do arquipélago, anunciou esta terça-feira o gabinete do presidente do Governo Regional.

O presidente do executivo madeirense, o social-democrata Miguel Albuquerque reuniu-se esta tarde, no Palácio de Belém, com o Chefe de Estado e “esta foi uma das decisões que saiu do encontro”, adianta a nota emitida pela presidência do Governo Regional da Madeira.

“Em 27 de março, o Presidente da República participará em vários eventos relacionados com os 600 anos da Madeira, num programa que foi entre ambos acordado e que será brevemente divulgado”, pode ler-se no documento.

Miguel Albuquerque “faz questão de realçar” que considerou esta “uma reunião muito positiva com Marcelo Rebelo de Sousa”, menciona ainda a informação.

Também refere que foram “abordados ainda, entre outros assuntos, vários aspetos relacionados com as comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, que vão decorrer, em 10 de junho de 2020, na Região Autónoma da Madeira” e do programa comemorativo desse dia.

O gabinete de Miguel Albuquerque salienta ainda que Marcelo Rebelo de Sousa “convidou o presidente do Governo Regional a acompanhá-lo na deslocação que fará à África do Sul, igualmente no âmbito das comemorações do Dia de Portugal em 2020”, convite que foi “aceite pelo líder madeirense”.

O texto divulgado pela Quinta Vigia recorda igualmente que “Marcelo Rebelo de Sousa tem feito questão de assinalar a data em território nacional e, nos dias a seguir, junto de uma comunidade portuguesa”.

Esta é “uma opção que se manterá em 2020, com a comitiva a sair em direção à África do Sul, para assinalar ali a lusitanidade”, conclui.

 

Ler mais
Recomendadas

Prendas e donativos acima de 500 euros são taxados pelo Fisco

Imaginemos que pelo seu casamento recebe como presente um cheque de mil euros, a lei obriga que o(s) beneficiário(s) desse valor declarem no modelo 1 das finanças e procedam ao pagamento de 10% desse valor, isto é, cem euros.

Câmara do Funchal distingue melhores presépios ecológicos

“Este ano tivemos 54 presépios a concurso, um recorde de participação, o que para nós é motivo de muita satisfação, pois é a certeza de que o nosso trabalho em prol da causa ecológica está a surtir efeito, sendo que, mantemos também acesa a tradição do Natal madeirense, com a construção dos presépios”, salientou Idalina Perestrelo.

Sara Madruga da Costa defende direito dos sem-abrigo a uma morada e ao cartão de cidadão

“É ao Governo que gere e administra o cartão de cidadão que incumbe encontrar uma solução urgente “, referiu.
Comentários