PSI 20 acompanha Europa em queda. Altri, Galp e CTT pressionam

O principal índice bolsista português perde 0,10%, para 4.361,38 pontos.

O principal índice bolsista português (PSI 20) arrancou esta quarta-feira a perder 0,10%, para 4.361,38 pontos, em linha com as principais praças europeias.

No Velho Continente, os investidores mostram-se receosos com o aumento do número de casos de Covid-19, mesmo depois de da eficácia superior a 90% de duas vacinas para a Covid-19, uma da Pfizer e outra da Moderna, ter sido anunciada. Contudo, a distribuição de uma vacina ainda está longe de acontecer.

Outro tema que está a contribuir para os receios dos investidores é o veto anunciado da Polónia e da Hungria ao orçamento da União Europeia, que levante obstáculos no acesso ao Fundo de Reconstrução Europeia.

Em Portugal, o PSI 20 é pressionado sobretudo por quatro empresas cotadas: A Altri (-1,40%), a Galp Energia (-0,73%) e os CTT (-0,65%).

A Jerónimo Martins (-0,50%) e a NOS (-0,64%) também condicionam a bolsa nacional.

Recomendadas

Metical valorizou 17% este ano e lidera ganhos a nível mundial

O metical é a moeda que mais valorizou desde o princípio do ano, ganhando 17% face ao dólar e melhorando para o nível de janeiro de 2020, com os analistas a anteverem mais ganhos de curto prazo.

PremiumSubida das ‘yields’ preocupa, mas não deve travar as ações

Mexidas nas ‘yields’ soberanas vão provocar mais volatilidade nas bolsas, mas as causas são ‘benignas’ e não devem impedir valorizações das ações, com sectores cíclicos e de ‘valor’ a brilharem. Por cá, PSI 20 depende muito dos ventos do Grupo EDP.

Wall Street em alta face às boas perspetivas da economia caseira

Wall Street ganhou terreno esta sexta-feira, depois de serem conhecidos dados que sugerem uma recuperação económica mais sustentada face à pandemia.
Comentários