PSI 20 acorda no ‘verde’ impulsionado pela F.Ramada e EDP Renováveis

Praça lisboeta abriu a sessão desta segunda-feira com uma subida de 0,13% para 5.096,85 pontos, seguindo a tendências das suas congéneres europeias.

O principal índice bolsista português, PSI 20, iniciou a sessão desta segunda-feira a valorizar 0,13% para 5.096,85 pontos, seguindo a tendência das suas congéneres europeias que abriram a sessão a negociar em terreno positivo, com exceção da Holanda e Inglaterra.

A fazer crescer o PSI 20 estão entre as principais cotadas portuguesas a F.Ramada, que sobe 1,31%, para 6,18 euros e a EDP Renováveis que cresce 0,91%, para 9,99 euros e o BCP que valoriza 0,34%, para 0,20 euros.

Em terreno negativo encontram-se a NOS, que desce 0,38%, para 5,30 euros, a Corticeira Amorim que cai 0,41%, para 9,73 euros e a Sonae Capital que desvaloriza 0,29%, para 0,69 euros.

Na Europa a maioria das cotadas abriram a sessão a negociar no ‘verde’. Na Alemanha, o DAX cresce 0,10%, no Reino Unido, o FTSE 100 desce 0,31%, o francês CAC 40 valoriza 0,02%, o holandês AEX desce 0,16%. Em Espanha, o IBEX35 valoriza 0,05% e o italiano FTSE MIB cresce 0,01%.

A cotação do barril de Brent desvaloriza 0,79%, com valor de 61,53 dólares, enquanto a cotação do crude WTI desce 0,37%, para 56,45 dólares por barril.

No mercado cambial o euro valoriza 0,15%, para 1,10 dólares.

Ler mais

Recomendadas

Wall Street cai diante de preocupações com vírus da China

A China continua no epicentro das preocupações devido ao Coronavírus.
JBCAPITAL MARKETS

JBCapital Markets: corretora espanhola quer colocar na Euronext Lisbon mais empresas nacionais

A empresa está no mercado português para “longo-prazo”, disse Alberto García Elias, conselheiro delegado da sociedade, que não descartou a hipótese de colocar mais empresas na bolsa nacional.

PSI-20 termina semana com ganhos. Jerónimo Martins e Altri subiram mais de 2%

A praça lisboeta acompanhou as subidas das congéneres europeias. A NOS manteve-se em contraciclo, com um deslize de 0,53%, para 4,87 euros.
Comentários