Publicidade paga nas redes sociais vai crescer

Formatos publicitários gratuitos estão a perder alcance e envolvimento.

Mario Anzuoni/Reuters

Os anunciantes devem aumentar o investimento em anúncios pagos nas redes sociais nos próximos 12 meses, revela estudo da consultora Gartner, citado pela agência Reuters. Este incremento explica-se com a perda de alcance e de envolvimento dos formatos publicitários gratuitos.

O investimento em formatos pagos faz parte dos planos a curto prazo de 80% dos 123 executivos norte-americanos inquiridos pela consultora. Destes, 40% são estreantes na compra de publicidade paga nas redes sociais.

Jay Wilson, diretor de research da Gartner, justifica a necessidade de investimento nos formatos pagos com base em vantagens como o acesso a métricas que permitem, às marcas, segmentar as mensagens de acordo com os públicos mais relevantes e medir o respetivo envolvimento.

Recomendadas
João Paulo Correia

‘Vice’ da bancada do PS regista que ERC aponta “falha de rigor” da TVI sobre região Norte

O vice-presidente da bancada socialista João Paulo Correia afirmou na terça-feira que a ERC, embora tenha arquivado a sua queixa contra a TVI, identificou “falha de rigor” noticiosa desta televisão sobre o impacto da covid-19 na região Norte.

ERC arquivou processo contra TVI devido a reportagem sobre a Covid-19 na região Norte

A Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) arquivou um processo contra a TVI, motivado por várias participações contra o canal a propósito de uma reportagem sobre o impacto da pandemia de covid-19 no Norte, adiantou a entidade.
RTP Porto PREVPAP

Administração da RTP aguarda ‘luz verde’ do Governo para integrar 27 trabalhadores precários

A integração de 27 trabalhadores precários da RTP nos quadros da empresa está por concluir. CAB Cultura diz que falta homologação ministerial para 26 profissionais, enquanto um outro trabalhador foi excluído do processo. Presidente da RTP diz que “dará execução imediata” após aprovação governamental.
Comentários