Que futuro para o sector agroalimentar? Veja o debate com a ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes

A primeira conferência do ciclo “Conhecer para Decidir, Planear para Agir” tem como tema “Conhecimento e inovação na década da transição digital” e contará com a participação da ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes e tem o Jornal Económico como media partner.

A Lusomorango, a maior organização de produtores portuguesa do sector das frutas e legumes, e a Universidade Católica Portuguesa vão promover um ciclo de conferências dedicado a contribuir para a concretização de uma visão estratégica para o agroalimentar em Portugal, numa iniciativa de que o Jornal Económico será media partner.

A primeira conferência tem como tema “Conhecimento e inovação na década da transição digital”. Na abertura, contará com a presença da ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes; do presidente da Confederação dos Agricultores de Portugal, Eduardo Oliveira e Sousa; do vice-presidente da comissão executiva do Millennium BCP, João Nuno Palma; e de Luís Pinheiro.

Terá como orador António Câmara, professor na Universidade Nova de Lisboa, e contará com a apresentação de dois casos de estudo, por Rick van de Zedde, professor da Universidade de Wageningen; e de Joep van de Bosch, CIO da Ridder.

A conferência incluirá uma mesa-redonda que reunirá Daniel Ribeiro, partner da Hidrosoph; Amândio Santos, presidente da Portugalfoods, e Ondina Afonso, presidente do Clube de Produtores Continente. A moderação estará a cargo de Shrikesh Laxmidas e Ricardo Santos Ferreira, diretor adjunto e editor do JE, respetivamente.

A iniciativa será concluída com um comentário final, a cargo de Nuno Canada, presidente do Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária.

Recomendadas

Exportações de azeite sobem 5% até junho e consumo recua, aponta associação

As exportações de azeite subiram mais de 5% para 94.161 toneladas no primeiro semestre, mas o consumo recuou, apesar de ser expectável uma manutenção dos níveis de 2020, avançou à Lusa a Casa do Azeite.

Ano agrícola 2019/2020 registou o julho mais quente desde 1931

Além de julho, o inverno foi o segundo mais quente desde 1931, revelou hoje o “INE”.

Comissão Europeia adopta ‘Nova Estratégia para as Florestas 2030’

No entender dos responsáveis de Bruxelas, “as florestas são um aliado essencial na luta contra as alterações climáticas e a perda de biodiversidade”.
Comentários