Reestruturação da Media Capital: Bruno Santos sai da direção de programas da TVI substituído por Filipa Garnel

Depois de ter passado pelos três canais generalistas portugueses e de ter sido diretora das revistas “Caras” e “Lux”, Felipa Garnel é a nova diretora de Programas da TVI, regressando, assim, ao grupo Media Capital.

A reestruturação da Media Capital atingiu a TVI. O até agora diretor de programas do canal de Queluz de Baixo, Bruno Santos, deixou a estação para dar lugar a Filipa Garnel, fez saber o grupo de media espanhol esta quinta-feira, 18 de julho. Bruno Santos também detinha o pelouro da gestão da antena, pasta que passa a ser controlada pelo administrador da TVI e da Plural Entertainment, Luís Cunha Velho.

Esta alteração foi promovida pelo novo diretor executivo da Media Capital, Luís Cabral, que agradeceu o “empenho e trabalho” desenvolvido por Bruno Santos e apontou, em comunicado, o que levou à escolha de Filipa Garnel para a direção de programas da TVI: “Acompanhei de perto o trabalho que desenvolveu ao longo dos anos em que esteve na Media Capital e acredito na sua combatividade, modernidade e capacidade de liderança, necessários num ciclo que agora se inicia”.

Depois de ter passado pelos três canais generalistas portugueses e de ter sido diretora das revistas “Caras” e “Lux”, Felipa Garnel é a nova diretora de Programas da TVI, regressando, assim, ao grupo Media Capital.

“Gosto de desafios e aceitei desde a primeira hora a proposta de fazer parte de uma equipa coesa, empenhada em reconquistar a preferência dos portugueses. Acredito no valor de cada pessoa que trabalha na TVI e estou certa de que, unidos, conseguiremos inovar e surpreender”, afirma Felipa Garnel.

Esta é a primeira alteração na direção da TVI, depois de o conglomerado espanhol Prisa, que detém a Media Capital, ter iniciado um processo de reestruturação da dona da TVI.

A primeira medida foi afastar Rosa Cullell da liderança da Media Capital, sendo substituída por Luís Cabral que passou de administrador da Media Capital Rádios a diretor executivo da dona da TVI.

 

Ler mais
Relacionadas

Luís Cabral é o novo CEO da TVI

Esta será uma opção interna por parte da Prisa, dado que Luís Cabral exerce atualmente o cargo de administrador da Media Capital, passando assim a ser CEO da empresa.

Rosa Cullell: “As audiências estão piores, mas o grupo é sólido e saudável”

Rosa Cullel era diretora executiva da Media Capital, dona da TVI, desde 2011. Oito anos depois, foi anunciada a sua saída da direção do grupo de media, sendo substituída por Luís Cabral. Na hora da saída contou que deixa o grupo após “o ano com melhor resultado líquido”.

Salvador Ribeiro substitui Luís Cabral na liderança da Media Capital Rádios

Salvador Ribeiro sucede a Luís Cabral, que passou a ser o novo CEO da Media Capital. Enquanto administrador executivo da Media Capital Rádios, Salvador Ribeiro acumulará as funções de diretor comercial que tinha até agora, na MCR, até ser anunciado o seu substituto.
Recomendadas

Transtejo lança concurso de 57ME para aquisição de dez navios elétricos

A Transtejo vai lançar, na terça-feira, o concurso para a aquisição de dez navios de propulsão elétrica para as ligações fluviais entre a Margem Sul e Lisboa, num investimento de 57 milhões de euros, anunciou hoje a empresa.

‘Número 3’ do grupo El Corte Inglés demite-se por desavenças com a presidente

No centro dos desentendimentos entre o demissionário, Jesús Nuño de la Rosa, e a presidente executiva, Marta Álvarez, está o incumprimento do El Corte Inglés não ter cumprido os planos estratégicos delienados em 2018, como a reestruturação e a profissionalização do grupo espanhol.

STEF cresceu 12,2% em Portugal no quarto trimestre de 2019

No conjunto do exercício de 2019, o grupo de transporte e logística alcançou uma faturação de 3.441 milhões de euros, o que traduziu um crescimento de 5,7% (3,9% a perímetro constante).
Comentários