Resultados das empresas animam Wall Street

Segundos os dados da Factset, 78% das empresas que já divulgaram resultados superaram as expectativas do mercado. A Coca-cola está a valorizar mais de 4,60%.

Andrew Kelly/Reuters

A bolsa de Nova Iorque continua em alta, uma vez que os três principais índices norte-americanos prosseguem os ganhos que já se registaram na véspera. Esta terça-feira, minutos após o toque do sino de abertura, o S&P 500 valorizava 0,37%, para 2.995,93 pontos; o Dow Jones ganhava 0,41%, para 27.282,24 pontos; e o tecnológico Nasdaq avançava 0,43%, para 7.939,28 pontos.

O sentimento no mercado tem sido impulsionado pelas boas perspectivas sobre a época de resultados das empresas cotadas, e também pela expectativa de Reserva Federal norte-americana cortar as taxas de juro depois da reunião marcada para o final do mês de julho. Segundo os dados da Factset, uma empresa especializada em dados financeiros, 78% das empresas que já divulgaram resultados superaram as expectativas do mercado.

Nas empresas, destaque para a Coca-Cola dispara 4.63% depois de apresentar resultados acima do esperado. A fabricante da bebida mais famosa de mundo apresentou lucros por ação de 0,63 dólares, acima do consenso de mercado (0,62 dólares) e as receitas fixaram-se nos 10 mil milhões de dólares no último trimestre, outra vez superando a expectativa do mercado (9,86 mil milhões de dólares)

Na tecnologia, a United Technologies elevou o outlook depois de apresentar resultados acima do esperado, lembrou o analista de mercados do Millennium bcp, Ramiro Loureiro. “A fornecedora de tecnologia para motorews de aviões, elevadores e equipamentos de segurança registou resultados ajustados de 2,20 dólares por ação e superou os 2,05 dólares por alão antecipados pelo mercado”, explicou o analista. As vendas trismestrais ascenderam a 19,6 mil milhões de dólares, também acima das projeções do mercado.

A United Techologies “reviu em alta o outlook anual, estimando agora resultados entre 7,90 dólares e 8,05 dólares por ação, como o ponto médio alinhado às atuais expectativas do mercado”, disse Ramiro Loureiro. A empresa “prevê crescimento de receitas orgânicas entre 4% e 5%. O mercado aeroespacial continua robusto e justificou a subida do outlook“. As ações da United Techologies estão a valorizar 1,70%. “O preço-alvo médio atribuído pelos analistas às ações da empresa é de 151,39 dólares (dados da loomberg), com a maioria a recomendar a compra”, assinalou o analista do BCP.

A Biogen também elevou o outlook. Ramiro Loureiro disse que “notas de mercado apontam a revisão em alta do guidance de lucros tendo como base a expectativa de menores curtos com pesquisa e desenvolvimento, o que para o setor não é bom sinal”. No segundo trimestre a empresa registou um lucro por ação de 9,15 dólares, acima das projecções do mercado, o mesmo acontecendo com as receitas, que se fixaram em 3,62 mil milhões de dólares. A Biogen está a subir 4,92%.

Nas matérias-primas, segundo a Bloomberg, o preço do petróleo continua a subir. O barril de Brent, a referência para o mercado europeu, avança ligeiramente 0,09%, para 63,32 dólares. Nos Estados Unidos, o West Texas Intermediate valoriza 0,27%, para 56,37 dólares.

 

Ler mais

Relacionadas

Wall Street animada à espera de boa época de resultados

Setor tecnológico impulsiona Nasdaq e o mercado antecipa que as empresas que vão apresentar os resultados do segundo trimestre aumentem os lucros em 1%. O mercado também espera que a Fed corte as taxas de juro depois da reunião de julho, o que está a impulsionar os índices bolsistas.

Boas expectativas sobre resultados trimestrais impulsionam Wall Street

Até ao momento, os resultados trimestrais apresentados têm agradado o mercado, nomeadamente nas métricas da faturação e ganhos por ação.
Recomendadas

Nasdaq lidera quedas em Wall Street

As tecnológicas acentuaram as perdas, nomeadamente as FAANG. A Facebook perdeu 2,48%, a Apple cedeu 0,46%, a Amazon tombou 3%, a Netflix afundou 4,23% e a Alphabet, dona da Google, caiu 1,74%. Também a Microsoft teve uma sessão negativa, desvalorizando 3,09%.

Domingos Soares de Oliveira: “não há neste momento qualquer situação oficial entre o Benfica e o treinador Jorge Jesus”

“Conforme é sabido, o nosso presidente tem uma relação pessoal com o treinador Jorge Jesus, portanto é natural que converse com o treinador, mas não não há neste momento qualquer situação oficial entre o Benfica e o treinador Jorge Jesus”, vincou Domingos Soares de Oliveira.

PSI-20 fecha em alta com a ajuda do BCP que valorizou mais de 3%

O BCP foi a estrela da sessão ao subir mais de 3%. Mas a queda da EDP, depois das notícias de que a própria empresa deverá ser constituída arguida no processo de rendas excessivas, travou a subida do PSI-20 que fechou em alta, mas abaixo das principais praças da Europa.
Comentários