PremiumSantander Portugal vende quatro parques solares do Glennmont Partners em Portugal

Propostas não vinculativas para quatro parques solares localizados em Portugal serão recebidas pelo Santander Portugal nesta segunda-feira.

O Santander Portugal foi o banco escolhido pela gestora europeia de fundos de infraestruturas Glennmont Partners para vender quatro parques solares portugueses. Em causa estão o Portuguese Solar PV1, o Portuguese Solar PV2, o Portuguese Solar PV3 e ainda um outro parque que estava no portfólio do primeiro fundo (Glennmont Clean Energy Fund Europe I) e que foi anexado ao pacote de ativos que a sociedade pôs agora à venda.

As propostas não vinculativas para a compra dos parques solares portugueses serão recebidas pelo Santander Portugal na próxima segunda-feira, apurou o Jornal Económico.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Banco Santander lidera Índice de Igualdade de Género da Bloomberg 2020

Para a elaboração do índice foram avaliadas 6.000 empresas de 84 países, tendo-se incluído no final 322 empresas.

BCP integra Bloomberg Gender-Equality Index pela primeira vez

A par da valorização das competências genéricas e específicas, “o Millennium bcp identifica de forma justa, e exclusivamente com base no mérito, os colaboradores com potencial e talento para virem a assumir funções de responsabilidade e complexidade acrescidas”, diz o banco.

Procura de crédito aumentou no quarto trimestre, diz Banco de Portugal

No 4º trimestre de 2019, a oferta de crédito concedido a empresas e a particulares permaneceu praticamente inalterada face ao trimestre anterior e as instituições participantes não antecipam alterações de relevo para o 1º trimestre de 2020.
Comentários